Cannon Busters (Netflix) – Resenha

Em busca de sua terra natal e seu melhor amigo, a androide Sam ganha ajuda da robô Casey e do tão procurado Philly the Kid.

0
37

RESENHA DO ANIME CANNON BUSTERS, DISTRIBUÍDO PELA NETFLIX EM AGOSTO DESTE ANO

Exibição Original: Agosto de 2019
Título Original: Cannon Busters
Estúdio: Satelight e Yumeta Company
Criação: LeSean Thomas

As HQs de 2005 de criação de LeSean Thomas ganharam vida no anime de mesmo nome, Cannon Busters. Após longo namoro para a produção da obra, em agosto deste ano com a distribuição da Netflix, a adaptação para anime veio à tona.

O anime aborda um universo futurístico, ou melhor dizendo, afrofuturista. Com majoritariamente todos os personagens negros, Cannon Busters prioriza a história de três personagens principais, Philly the Kid, SAM (Samberry) e Casey. Philly é um rapaz que vive se metendo em confusão e sempre conseguindo escapar graças ao seu carro (apelidada de Bessie) e sua imortalidade. Sim Philly possui imortalidade e a cada vez que morre, ele ressuscita e a contagem de seu renascimento aparece em seu corpo.

A estória de Cannon Busters tem início quando Sam, uma simpática androide está em uma busca incessante de seu melhor amigo, o príncipe Kelby de Botica, que desaparecera junto a alguns soldados logo após um ataque ao seu país. Em sua busca, graças a sua programação para fazer amigos, Sam encontra Casey (também uma robô) faz fácil amizade. Casey, um robô de manutenção, passa a gostar de Sam e acompanha-la na viagem.

Sendo procurado em diversos lugares com uma alta recompensa, Philly acaba por encontrar e ser salvo por Sam, logo após quase ser morto por alguns ciborgues. É aí que Philly descobre que Sam é um Cannon Busters (um robô desenvolvido para ser uma grande arma de destruição). Os três passam a andar junto em busca de Kelby. Philly somente acompanha os robôs por interesse em resolver questões pessoais de sua infância que possam ser resolvidas ao encontrar o príncipe.

O anime possui uma ótima produção. Tendo dois estúdios em sua produção (Satelight e Yumeta Company), têm em sua bagagem obras como Fairy Tail e Final Fantasy XV. Cannon Busters possui diversas cenas de ação, que por sua vez prendem muito a atenção de quem assiste. O anime também tem diversas partes de comédia, principalmente pelo temperamento de Philly e pela inocência de Sam.

O anime afrofuturista, apesar de ter uma ação emocionante, ainda deixou de explicar diversas coisas, tais como o que e de onde vem a magia presente no anime, o que são de fato os Cannon Busters (existem mais?), entre outras pequenas coisas. Mas um ótimo ponto positivo do anime é a trilha sonora em todos os sentidos, seja na opening, na ending ou até mesmo no decorrer da obra.

Confira outras resenhas de animes aqui. Siga o Meta Galáxia nas redes sociais!

Análise Crítica
Data
Título Original
Cannon Busters
Nota do Autor
31star1star1stargraygray

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here