Pokémon: A História do Charizard de Ash

O Charizard de Ash no anime Pokémon tem sido um dos membros mais icônicos de sua equipe, e sua história juntos perde apenas para Pikachu.

Charizard e Ash

Pokémon: A História do Charizard de Ash

Em Pokémon, o Charizard de Ash se destaca como uma das criaturas mais renomadas e facilmente identificáveis ​​de toda a franquia, perdendo apenas para Pikachu. O vínculo entre Ash e seu Charizard abrange um período significativo de tempo, uma história que pode escapar aos fãs atuais que desconhecem a extensa linha do tempo que abrange esses episódios, que remontam a mais de duas décadas desde a temporada inaugural. Aqui está um guia completo que fornece todo o conhecimento essencial para os fãs sobre Ash e seu Charizard.

No 11º episódio de Pokémon, Ash encontrou um Charmander que eventualmente evoluiria para Charizard. Este Charmander foi descoberto por Ash durante uma tempestade, deixado para trás e buscando abrigo sob uma pequena folha para proteger a chama em sua cauda. Mostrando compaixão, Ash e seus companheiros trouxeram o angustiado Tipo Fogo para o Centro Pokémon, onde ele recebeu os cuidados necessários e eventualmente recuperou suas forças. Mesmo depois de todos esses anos, a presença impactante de Charmander neste episódio em particular deixou uma marca duradoura nos fãs. A imagem duradoura de Charmander, buscando consolo sob um lençol protetor, continua a evocar emoções poderosas, mesmo entre aqueles que há muito pararam de assistir ao show.

Ao conhecer o treinador anterior que abandonou Charmander, Ash muda de ideia e decide colocar Charmander sob sua proteção como seu próprio Pokémon. A partir daí, Ash se dedica a treinar Charmander, com o objetivo de transformá-lo em um ativo valioso para sua equipe.

Você é fã de Pokémon ou então desejando conhecer melhor a franquia? Se sim, portanto gostará de ler em nosso portal:

O Charmeleon de Ash tornou-se desobediente

Charmeleon de Ash


No quadragésimo terceiro episódio da série, Charmander passou por uma metamorfose impressionante, evoluindo para Charmeleon. Nesse estágio evolutivo, o destemido Pokémon enfrentou um desafio formidável ao confrontar Exeggutor, cuja vulnerabilidade aos ataques de fogo era evidente. Contudo, a evolução trouxe consigo uma mudança no comportamento de Charmeleon, que começou a desafiar as ordens de Ash durante as batalhas Pokémon.

Assim como nos jogos, onde Pokémon de nível elevado tendem a se tornar mais rebeldes, Charmeleon demonstrou essa tendência ao ponto de atacar Ash com chamas quando sua agitação atingia o auge. Esta fase de insubordinação, entretanto, foi efêmera, pois Charmeleon rapidamente evoluiu mais uma vez, alcançando a forma poderosa de Charizard no quadragésimo sexto episódio. Neste capítulo emocionante, Charizard enfrentou um Aerodactyl em um espetáculo aéreo de tirar o fôlego.

Apesar de sua nova forma imponente, Charizard continuou a desafiar as ordens de Ash, manifestando sua teimosia de maneiras que iam além da simples preguiça. Sua relutância em participar de batalhas culminou em uma derrota no ginásio de Cinnabar City e, posteriormente, teve repercussões na Conferência Indigo. Foi nesta última competição que, na rodada dos 16 primeiros, Charizard se recusou a lutar, resultando na perda de Ash para seu amigo Ritchie.

Ao longo do arco nas Ilhas Laranja, a desobediência de Charizard persistiu, atingindo seu ápice quando ele ficou congelado durante uma acirrada batalha contra um Poliwrath. Com a chama de sua cauda ameaçando se extinguir novamente, Ash e seus companheiros empreenderam esforços hercúleos para ajudar Charizard a superar esse obstáculo, conquistando finalmente o respeito do Pokémon lendário. Esse respeito recém-adquirido pavimentou o caminho para uma maior cooperação, finalmente resultando na obediência de Charizard às instruções de Ash.

As aparições do Charizard de Ash além de Kanto

Na jornada por Johto, Ash não hesitou em trazer consigo o formidável Charizard, frequentemente lançando-o em batalhas iniciais onde seu poder superava em muito o nível de seus oponentes. Entretanto, essa estratégia não passou despercebida por Misty e Brock, que, sentindo que Ash não estava sendo justo com seus adversários, frequentemente o repreendiam por tal comportamento. Este incidente marcante tornou-se crucial, pois as palavras de Brock e Misty lançaram luz sobre a tendência de Ash em deixar para trás seus Pokémon anteriores em cada nova região que explorava.

No episódio #134, Ash e seus amigos descobriram o misterioso Charicific Valley, um local habitado por diversos Charizard selvagens. Foi revelado que o Charizard de Ash era notavelmente menor em comparação com seus companheiros e lutava para conquistar o respeito de sua própria espécie. Ao proteger o vale da ameaça da Equipe Rocket, que, surpreendentemente, atacou para auxiliar Charizard a ser aceito, Ash tomou a difícil decisão de deixar Charizard para trás no vale. Lá, Charizard encontrou companhia em uma Charizard chamada Charla, por quem desenvolveu uma afeição especial.

O destaque de Charizard na narrativa só retornaria no episódio #253, coincidindo com a busca de Ash pelo último distintivo de Johto em Blackthorn City. Unindo forças com Ash, Charizard enfrentou desafios e participou do torneio da Conferência de Prata, onde Ash alcançou as oito primeiras posições. Outros momentos marcantes incluíram seu retorno quando Ash revisitou Kanto para desafiar o Battle Frontier no episódio #410 e sua participação na partida final do arco Battle Frontier nos episódios #463 e #464. Apesar de suas proezas, Charizard acabou sendo derrotado por Dusclops, retornando mais uma vez ao Charicific Valley.

Durante a era Sinnoh, Charizard permaneceu ausente na tela, mas ressurgiu no episódio #773 após a estadia prolongada de Ash em Unova. Recordado por um Charmander, Ash solicitou ao Professor Oak que enviasse Charizard até ele. Enquanto permaneceu em Unova, Charizard desenvolveu uma rivalidade amigável com o Dragonite de sua companheira de viagem, Iris. A lealdade de Charizard a Ash perdurou até o final da série em Unova, quando foi devolvido ao laboratório do Professor Oak, juntamente com os demais Pokémon de Ash daquela região. A partir desse ponto, Charizard fixou residência no laboratório, não retornando mais ao Charicific Valley.

Onde está o Charizard de Ash agora?

Pokémon - Ash e Charizard e Pikachu e Bulbasaur


No momento em que este texto foi redigido, a última aparição de Charizard ocorreu na série Pokémon Journeys, no laboratório do Professor Oak. Lá, Charizard colaborava com outros Pokémon de Ash, como Gengar, participando de treinamentos e assimilando novos movimentos. Durante o torneio World Coronation Series, Charizard foi observado assistindo às épicas batalhas de Ash, enquanto memórias suas (e de outros Pokémon) foram revividas por Pikachu durante o confronto decisivo, impulsionando o pequeno roedor elétrico rumo à vitória. É importante notar que, apesar de muita especulação na época, o Charizard de Ash nunca passou pela megaevolução em Pokémon XY, tampouco teve a oportunidade de Gigantamax durante as Jornadas Pokémon, privando-o das formas mais recentes que Charizard adquiriu ao longo dos anos.

Como um dos Pokémon mais antigos e agora um dos mais leais ao treinador Ash, Charizard desempenhou um papel fundamental nos episódios finais da jornada do treinador. Nesse momento emocionante, Charizard se reuniu com Bulbasaur e Squirtle, proporcionando ao trio original uma despedida tocante. Embora Charizard sempre tenha sido um Pokémon amplamente adorado, a encarnação de Ash tornou-se ainda mais cativante devido às suas impressionantes performances em batalha. Seus retornos ao longo da série não apenas encantaram os fãs, mas também contribuíram para apresentar Charizard às novas gerações de admiradores de Pokémon.

Ao participar de alguns dos momentos mais memoráveis da franquia Pokémon, o Charizard de Ash, sem dúvida, deixou uma marca indelével na memória dos fãs. Sua presença constante e seu papel significativo em diversas aventuras contribuíram para consolidar Charizard como um ícone duradouro e querido na vasta história do universo Pokémon.

Come to the Dark Side. We have coffee with cookies! ☕

1 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here