Trigun é um anime exibido em 1998, a obra foi baseado no manga do autor Yasuhiro Nightow, lançado em 1995.

A década de 90 foi marcada pelo primeiro grande “boom” dos animes no Brasil.

Principalmente com cavaleiros dos zodíaco, porém outros animes marcaram presença nessa época.

Um desses animes é trigun, uma série ambientada em um cenário de faroeste futurista, com muita ação e uma história muito interessante.

História do anime

O protagonista do anime é Vash the Stampede (Vash o estouro da boiada em português)

Um pistoleiro temido por suas incríveis habilidades e sua capacidade de destruir cidades, ganhando fama de tufão humanoide.

Foi colocado uma recompensa no valor de 60 bilhões de dólares duplos pela cabeça de vash, isso atraí para vash muitos caçadores de recompensa, além de outros criminosos.

O resultado disso é que, ele está sempre envolvido em alguma confusão.

Cartaz de procurado de vash

Uma dupla de agentes da companhia de seguros Bernadelli, Meryl Strife e Milly Thompson o segue tentando minimizar os estragos provocados por sua passagem.

O pacifismo de vash

Ainda que seja um homem procurado e tido por muitos como uma pessoa má, vash, na verdade é um homem que abomina agressão. Ele evita ao máximo matar.

Segundo ele, ninguém tem o direito de tirar a vida de outro ser humano. Seu lema no anime é paz e amor, ele utiliza essa frase em diversos momentos na série.

O foco central do anime é um embate ideológico, entre uma visão de mundo pacifista, na qual podemos alcançar a paz evitando a violência. Esse é o pensamento que norteia o protagonista da série.

E uma visão de mundo mais pessimista, onde a humanidade é colocada como a principal causadora de todos os males, e portanto, deve ser exterminada.

Vash e seu revólver

Comédia no anime

Trigun é uma obra com muitos momentos engraçados, em especial pela personalidade do vash, que é um sujeito extravagante e bem-humorado, ele sempre se comporta de forma inusitada em diversas situações.

O protagonista tem uma personalidade que foge totalmente da imagem de um pistoleiro procurado, vash tem um jeito irreverente e descontraído, ele trata bem as pessoas, e costuma estar sorrindo na maioria das vezes.

Trigun
Vash em um dos momentos cômicos do anime

Cenas de ação

Um dos pontos fortes do anime são seus momentos de ação, em trigun os tiroteios ao estilo faroeste são frequentes, e sempre muito bem conduzidos.

O anime é bom?

O anime no começo pode parecer confuso, mas posso garantir que tudo na obra é muito bem explicado, as coisas vão sendo esclarecidas no decorrer da trama.

Eu não sei se isso funciona com todo mundo, mas ele me prendeu muito, justamente pelo seu mistério! É quase inevitável não criar teorias enquanto assistimos, é uma experiência típica de um anime que não vai te entregar tudo de mão beijada.

A história de trigun parece simples, mas carrega uma reflexão filosófica interessante, sobre assassinato, violência e vingança, e até que ponto esses comportamentos são aceitáveis em uma sociedade civilizada.

A trama se aprofunda a medida que o protagonista percebe que, por todos os lugares que passa, ele atrai consequências negativas, não só para ele, como para as pessoas que o seguem.

Respondendo a pergunta, sim o anime é bom, principalmente pela maneira que ele trabalha os conceitos que citei anteriormente, além do fato que o anime tem um bom time para comédia.

A junção de uma ótima premissa, uma boa execução da trama, além da comédia e as inúmeras cenas de ação, tornam esse anime único e indispensável para quem curte uma obra de qualidade.

ANÁLISE CRÍTICA - NOTA
Trigun
Sou um grande admirador dos animes e mangas! Comecei a escrever por hobby, e hoje compartilho tudo sobre este universo, quero mostrar o quanto eles podem ser incrivelmente interessantes, para qualquer pessoa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here