Férias Frustradas (1983) – Resenha

313
Ano: 1983
Título Original: NATIONAL LAMPOON’S VACATION
Dirigido por: Harold Ramis
Avaliação: ★★★☆☆ (Bom)

Em Férias Frustradas, a família Griswold decide viajar até um parque de diversão. Para tornar o longo passeio mais interessante, escolhem ir de carro ao invés de avião, saindo de Chicago e indo até a Costa Oeste dos Estados Unidos. Porém, o que era para se tornar uma bela e divertida viagem em família, passar a se tornar uma grande loucura quando tudo, mas tudo mesmo, começa a dar errado.

O filme foca em uma das rotinas mais habituais das famílias ao redor do mundo inteiro, principalmente na América: viagem em família. Apresentando uma família americana clássica (pai, mãe e dois filhos) querendo se unir mais durante as férias, o longa tem uma comédia bastante direta, baseada em todas as loucuras, erros e azar que acontecem nesta insana jornada familiar.

De uma maneira bastante descontraída, o longa ainda permeia algumas questões básicas para cada membro da família, o que dá uma tonalidade real para cada personagem. O pai, que se acha o grande chefe da família, é tentado por uma garota muito mais jovem durante toda a viagem, e acaba quase se perdendo em seus instintos. A mãe quer seguir sempre o caminho certo, com muita segurança e só queria uma viagem eficiente. O filho acaba descobrindo sua masculinidade e sua maturidade conforme a viagem avança e a filha passa por conhecer um pouco o mundo do cigarro e da adolescência, através de uma prima.

Vale ressaltar a incrível atuação de Chevy Chase. Suas cenas de revolta ou mesmo de confiança são sempre hilárias e, claro, o diretor e o roteirista souberam tirar sempre o melhor desse ator, em cada uma das cenas.

Férias Frustradas tem como ponto baixo algumas de suas cenas de comédia, que a depender de quem estiver assistindo, podem ser extremamente engraçadas ou não. A morte do cachorro e da tia, assim como as reações dos personagens diante desses fatos chegam a questionar a integridade dos personagens, fazendo com que o filme se afaste muito da realidade, beirando a apenas um besteirol.

Quem já viajou em família com certeza já passou por algumas das situações que os Griswold passaram em Férias Frustradas.

Análise Crítica
Data
Título Original
Férias Frustradas
Nota do Autor
31star1star1stargraygray
ANÁLISE CRÍTICA - NOTA
Férias Frustradas
Trabalha com contabilidade a mais de 10 anos. No tempo livre, é escritor e publicou as obras Todas as Estrelas e a Última Estação (junto com seu primo Diego Betioli). Gosta muito de escrever e acredita que a arte pode melhorar o mundo e a vida das pessoas. É também um grande fã de Basket, principalmente da NBA e tem como hobby jogar esse esporte junto com os amigos. Fanático também pelos X-Men, não perde a oportunidade de sempre ter uma HQ dos heróis mutantes na mão. Contribui no Meta Galáxia nos assuntos Filmes e Quadrinhos, principalmente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here