Arlequina: Harleen – Resenha

415

Havia um homem quebrado no abismo… Eu dei minha mão para Ajuda-lo… percebi tarde demais que ele não estava escorregando… ESTAVA ME PUXANDO”

2020 é o ano da Arlequina! Aqui no Meta Galaxia já tivemos resenha esse ano do filme Aves de Rapina, do desenho animado Harley Quinn, da HQ Herois em Crise (ela é protagonista junto com o Gladiador Dourado), e agora da HQ Arlequina: Harleen – Resenha.

Arlequina: Harleen é uma HQ de Stjepan Šejić, feita para o selo DC Black Label, um selo da DC comics feita para historias mais adultas. Saiu aqui no Brasil pela editora Panini em uma linda edição em 3 volumes.

A HQ explora o passado da Arlequina, quem ela era antes do Coringa, e o tempo que ela passou como médica do vilão antes de acabar se apaixonando por ele. A doutora Harleen Quinzel só queria Salvar o Coringa da sua loucura e provar que sua tese sobre empatia poderia acabar com o crime em Gotham.

O roteiro de Arlequina: Harleen é muito interessante! A história te prende tanto que quando você vai ver já acabou o volume, a história é toda contada pela Arlequina no presente, revivendo todos esses momentos com um ar de tristeza, arrependimento e dor. A arte da HQ é linda, contando com capas que sem dúvida entram no hall de mais belas dos quadrinhos.

Alem da Arlequina, outros personagens foram muito bem escritos aqui como o Duas Caras que tem sua origem recontada nessa HQ também, Batman que têm confiança no trabalho da doutora Harleen em curar os “monstros” de Gotham. E Claro, o Coringa rouba a cena nessa HQ, mostrando seu lado manipulador pra cima da Arlequina.

Arlequina: Harleen – Resenha é a historia mais triste e penosa da personagem, se você gosta da personagem vá ler essa HQ imediatamente e descubra a origem de uma das personagens mais populares da DC comics atualmente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here