O Elísio: Uma Jornada Ao Inferno – Resenha

Obra retrata atuação da FEB na Segunda Guerra Mundial

458

O Elísio: Uma Jornada Ao Inferno – Resenha da HQ brasileira criada por Renato Dalmaso

o-elisio-resenha-capa

Ano Publicação Original: 2019
Título Original: O Elísio: Uma Jornada Ao Inferno
Roteiro e Arte: Renato Dalmaso
Editora: Avec

Um grande achado nos quadrinhos nacionais. O Elísio: Uma Jornada Ao Inferno é criação do ilustrador e quadrinista Renato Dalmaso, que assina o roteiro e arte da obra, e da editora gaúcha Avec, que vem expandindo suas publicações de quadrinhos no país. Renato e a editora também marcaram presença na CCXP.

A obra é baseada na história real do pracinha brasileiro Eliseu de Oliveira, que serviu na Segunda Guerra Mundial representando o país junto à Força Expedicionária Brasileira – FEB, convocada para combater as forças nazifascistas na Itália e Alemanha, em 1942.

o-elisio-resenha-0

O personagem central da trama é o próprio Eliseu, que é convocado às pressas junto a outros soldados brasileiros para se juntar às Forças Aliadas em solo italiano e combater as tropas de Hitler, deixando tudo o que tinha para trás. Ao desembarcar, o pracinha logo percebe que os horrores da guerra são piores do que imaginava e, na forma de flashbacks, presenciamos passo a passo o sofrimento do protagonista ao longo de todo o restante do conflito, em 1945.

O Elísio é uma obra como poucas no universo das HQs. Fruto de uma consistente pesquisa de seu autor, o quadrinho tem em sua origem uma série de estudos, que tiveram início com os relatos do próprio Eliseu no pós-guerra ao jornalista Altino Bondesan; tais relatos, posteriormente, foram a base do trabalho de conclusão de curso do historiador Douglas Almeida, e sua tese, por vez, o insumo principal para a HQ de Renato Dalmaso.

O quadrinista, entretanto, estendeu sua pesquisa à própria FEB e mesmo aos parentes do pracinha, que faleceu em 2012. Deste modo, O Elísio consiste não somente numa HQ factual, mas sim em um arquivo visual muito completo e coeso sobre um herói brasileiro anônimo e uma passagem importantíssima da história brasileira naquele que talvez seja considerado um dos momentos mais obscuros e marcantes da humanidade.

o-elisio-resenha-01

Não obstante a consistência do conteúdo narrativo, é na primorosa arte de Dalmaso que O Elísio se consolida como uma obra ainda mais única. São quase 100 páginas ilustradas com um realismo fantástico que se dá por meio de aquarela, técnica que eleva o álbum a um nível de retrato, combinando perfeitamente com o tom de época na qual a HQ é contada.

As tintas e traços do artista apresentam ao leitor verdadeiros retratos do horror da Segunda Guerra Mundial, com algumas cenas viscerais de batalha e holocausto. Mas seu destaque se dá, sobretudo, nas expressões dos personagens, em seus olhares amargurados, angustiados ou aflitos, e nos cenários por ora frios, cinzentos, ou então incrivelmente ensolarados e tomados por cores quentes.

o-elisio-resenha-02

O Elísio é uma leitura imperdível para quem curte obras de base realista. Uma HQ de grande primor visual e narrativo, certamente um dos melhores lançamentos nacionais dos últimos anos. E um excelente material sobre conhecimento histórico de nosso país.

Confira outras resenhas de HQs aqui. Siga o Meta Galáxia nas redes sociais!

ASSINATURA

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here