Pokémon: Anime confirma que o pai de Ash Ketchum existe

Um episódio especial do anime Pokémon prepara Ash para ver seu pai pela primeira vez na história da série, mas as coisas não saem conforme o planejado.

Ash Ketchum

Pokémon: Anime confirma que o pai de Ash Ketchum existe

Apesar de a mãe de Ash Ketchum em Pokémon ter ganhado mais destaque nos últimos anos, o pai de Ash permanece envolto em mistério, sendo sua existência apenas ocasionalmente aludida. Antes de embarcar em sua jornada final de Pokémon, Ash teve uma oportunidade de reencontrar seu pai, mas, como é típico nas experiências de Ash, as coisas raramente seguem conforme o planejado.

A primeira menção ao pai de Ash ocorreu no segundo episódio da série, quando sua mãe revelou que ele levou quatro dias para viajar de Pallet Town a Viridian City durante sua própria jornada Pokémon.

Embora o pai de Ash tenha sido evocado em filmes recentes, como “I Choose You!” e “Secrets of the Jungle”, esses eventos ocorrem em uma continuidade separada do anime principal, proporcionando poucas informações adicionais. Além dessas referências pontuais, quase nada é conhecido sobre o pai de Ash, incluindo sua ocupação, interesses ou mesmo sua aparência.

Você é fã de Pokémon ou então desejando conhecer melhor a franquia? Se sim, portanto gostará de ler em nosso portal:

Ash quase não sente falta de ver seu pai

Pokémon

O episódio especial “Pokémon: The Distant, Blue Sky” começa com Ash desfrutando de um mergulho e participando de uma batalha Pokémon com um novo amigo. Logo em seguida, ele se encaminha para o Centro Pokémon mais próximo e recebe uma ligação de sua mãe, Delia. Ela pede que ele a encontre em Tonari Town, localizada aparentemente em Kanto, pois estará lá para conhecer o pai de Ash no dia seguinte. Animado, Ash parte em direção ao encontro. Durante sua jornada, ele se depara com um garoto peculiar, ávido por informações sobre Pokémon, que o conduz a uma casa no coração de uma floresta enigmática.

Este episódio especial pertence à linha do tempo da série “I Choose You!” e, portanto, se configura como uma continuidade separada do anime principal. Apesar disso, a narrativa de Ash permanece consistente em ambos, mantendo sua relevância.

Ao olhar pelas janelas espaçosas da casa, Ash observa um homem pintando cenas do céu, mas é notado por sua esposa. O novo amigo de Ash, Sunny, desaparece de maneira abrupta. Descobre-se que Sunny era o filho falecido do casal, privado da oportunidade de embarcar em sua própria jornada Pokémon. Utilizando seus poderes de Aura, Ash permite que o espírito de Sunny acaricie Pikachu antes de continuar sua jornada. Infelizmente, ao chegar ao Centro Pokémon, Ash descobre que seu pai já partiu, resultando na impossibilidade de se encontrarem, deixando o público sem vislumbre do pai de Ash. Como lembrança, o pai deixa um presente: um novo chapéu da Liga Pokémon, idêntico ao original.

O pai de Ash continua sendo o maior mistério de Pokémon

giovanni pokémon

A reta final dos episódios não abordou mais a questão do pai de Ash, mantendo sua identidade como uma das maiores incógnitas não resolvidas de toda a era de Ash. As teorias dos fãs sobre o pai de Ash podem ser bastante ousadas; uma teoria anteriormente popular sugeria que Giovanni, o líder da Equipe Rocket, era, na verdade, o pai de Ash, uma ideia originada do espetáculo de palco Pokémon Live! Essa teoria ganhou popularidade em parte devido ao fato de que os dois foram impedidos de se encontrar por um longo período, apenas se encontrando cara a cara na era Preto e Branco, mais de dez anos após a estreia do anime. No entanto, quando finalmente se encontraram, não houve reconhecimento ou reencontro, e Giovanni claramente não faria uma visita tão casual, como o pai de Ash faz aqui.

Os envolvidos na produção da série ocasionalmente comentaram sobre o pai de Ash. O criador original do anime, Takeshi Shudo, escreveu em uma novelização que o pai de Ash partiu em uma jornada pouco depois de seu nascimento e nunca mais voltou, deixando seu destino em aberto. Outro criativo envolvido na série, o artista de storyboard Masamitsu Hidaka, afirmou certa vez que o pai de Ash também era um treinador Pokémon em viagem e definitivamente ainda estava vivo. Nenhuma dessas afirmações foi confirmada no anime, e mesmo se o pai de Ash estivesse vivo, isso permaneceu incerto até este momento especial.

Com o encerramento da era do anime de Ash, parece que os fãs nunca descobrirão a identidade do pai de Ash, o que sugere principalmente que essa identidade não é crucial. Ele não tem um pai porque seu homólogo nos jogos, Red, também não tinha, seguindo uma tendência que ocorreu com quase todos os protagonistas dos jogos Pokémon desde então. Essa é uma tendência na franquia que vai além de Ash, mas com Pokémon Horizons introduzindo o pai de Liko precocemente, pode ser que essa tradição esteja finalmente mudando. A menos que haja outro filme estrelando Ash na continuidade de “I Choose You!”, o pai de Ash permanecerá um mistério Pokémon.

Come to the Dark Side. We have coffee with cookies! ☕

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here