Game Of Thrones S08E02 – Resenha

0
50

Game Of Thrones S08E02 – Resenha (COM SPOILERS)

game-of-thrones-S08E02-06.jpg

Avaliação: ★★★★★ (Excelente)

Um dos melhores episódios de Game Of Thrones até o momento! Com direito a música de Florence + The Machine no encerramento.

Estamos acostumados (e ansiosos) aos confrontos com os white walkers desde a última temporada, mas no episódio deste domingo tivemos alguns dos melhores momentos de toda série sem que uma única cena de ação fosse necessária.

Confira a resenha do primeiro episódio – Game Of Thrones S08E01

game-of-thrones-S08E02-02.jpg

Centrado em Winterfell, o episódio, assim como seu antecessor, preparou o terreno para a grande batalha fechando ciclo de seus personagens, mas desta vez, apelando ao lado emotivo de despedidas entre eles próprios, proporcionando cenas tocantes e diálogos memoráveis.

Primeiro, a redenção de Jamie. Um dos personagens mais complexos de Game Of Thrones, o Regicida se viu diante de uma eminente execução ao ficar de frente para seus principais antigos algozes – pessoas que tinham todos os motivos para querer vê-lo morto. Mas, graças a Brienne e Tyrion – dois personagens que foram diretamente responsáveis por sua transformação na série  -, Jamie conseguiu uma nova chance e caminha para um fim digno.

game-of-thrones-S08E02-01.jpg

O reencontro do trio Jon, Sam e Edd também foi bastante tocante. Os três ex-irmãos de patrulha contemplaram por um breve momento como chegaram até a batalha final e, principalmente, a evolução de Sam Tarly, que de um covarde passou a um dos personagens mais importantes de toda trama. E, também marcante, o reencontro de Sansa e Theon pela primeira vez desde a tomada de Winterfell.

game-of-thrones-S08E02-00.jpg

Mas o ponto alto do episódio – e um dos momentos mais incríveis e tocantes de Game Of Thrones até agora – foi a inusitada reunião entre os ex-inimigos de Winterfell: Jamie, Tyrion, Brienne, Davos, Podrick e Thormund. Como guerreiros que agora dividem a mesma bandeira, eles celebraram seus possíveis últimos momentos de vida, rindo, cantando e contando histórias. E Jamie Lannister, em um gesto de incrível simbolismo por toda sua trajetória na série e gratidão, coroou Brienne como cavaleira. De certo, uma das melhores cenas de GoT.

game-of-thrones-S08E02-03.jpg

E claro, o assunto mais comentado do Twitter dentro de todas as (possíveis) despedidas ocorridas no episódio: a transa de Arya e Gendry, que chocou muita gente que ainda a via como criança. Se um personagem sintetiza todos os efeitos da passagem de tempo de toda série, esta personagem é, sem sombra de dúvidas, Arya. A Stark caçula cresceu, se tornou uma mortífera guerreira e uma incrível mulher, que diante de eminente morte, buscou realizar seu desejo e, talvez, encerrar seu ciclo (esperamos que ainda não seja seu fim!).

game-of-thrones-S08E02-04.jpg

Em uma camada mais tensa e decisiva ao fim da trama central, Jon e Daenerys finalmente parecem entrar em conflito. Após uma conversa inicialmente amigável e depois ríspida com Sansa, Dany, já ciente dos problemas que pode vir a enfrentar após a guerra no que diz respeito ao Trono de Ferro, ainda recebeu de Jon a notícia de que ele nunca fora bastardo, e sim o verdadeiro herdeiro de Westeros. A Mãe dos Dragões se recusou a acreditar, mas é evidente o efeito da notícia em sua autoconfiança e que sua relação com Jon está definitivamente abalada.

game-of-thrones-S08E02-05.jpg

Entre fortes emoções e a tensão de suas cenas finais, com a deixa do atrito entre Jon e Dany e a chegada dos white walkers, o segundo episódio da temporada de Game Of Thrones parece terminar (de forma magistral) o longo arco de desenvolvimento da série, nos deixando prontos para o clímax que se inicia com a guerra dos vivos contra os mortos. Estamos preparados?

Confira outras resenhas de séries aqui. Siga o Meta Galáxia nas redes sociais e se inscreva no nosso canal!

ASSINATURA

Análise Crítica
Data
Título Original
Game Of Thrones S08E02
Nota do Autor
51star1star1star1star1star