SIFU review (PS5): Domine a arte do Kung Fu, ou você SIFU.

Opa galera, tudo bem? Fui o eleito da equipe do Meta para me torturar digo jogar o mais novo jogo do estúdio Sloclap, os criadores do bem popular Absolver, e de claro SIFU um jogo em que a história remete a um filme a lá Jackie Chan ou Jet Li, em que a regra é clara: Domine o Kung Fu, ou morra (mas volte) tentando!.

SIFU 1
A idade que você terá em SIFU quando você passar o primeiro mestre

Acho que o primeiro elogio, e não são muitos eu acho, que eu vou fazer para SIFU é o seguinte: ele é uma experiência! E em uma indústria que muito se copia e pouco realmente se cria, a equipe por trás de SIFU soube misturar conceitos de jogos, em algo que pelo menos eu nunca vi antes, envelopado em uma simples, porém sempre interessante história de vingança e honra a seu mestre.


Vou fazer essa review por separação de tópicos, por que simplesmente esse é um jogo melhor avaliado separadamente, pois me pareceu um jogo que focou muito no combate, ok é o norte do jogo, e em tudo que o compõe desde a imensidão de combos que você tem ou vai ter a sua disposição para que você passe determinada fase, na trilha sonora que embala o combate, o jogo de câmeras para o combate e etc., tudo ali é top de linha, porém todo o resto é básico, como a história, ou as vezes mal executado, como a repetição as vezes até insana ou os menus complicados para ler.

SIFU é um exercício de repetição e paciência.

Sifu a primeira vista parece muito mais simples do que realmente é, você olha lá um monte de ‘bonecos’ com a barra de sangue pequena, em grupos pequenos e pensa que vai cair no pau e zerar o jogo em duas horinhas, e adicionar uma platina fácil para sua coleção, se você pensou isso ai não poderia estar mais enganado.

SIFU é como eu já disse uma espécie de tortura, em que simplesmente qualquer npc pode te matar em um combo, e por falar em npc’s estes são dotados de uma inteligência satisfatória, eles sabem utilizar a vantagem de estarem em maior numero, ou de te cercar em algum canto ‘desconfortável’ no cenário, como qualquer outro jogo, graças a deus, ainda existem os burros que ficam de costa para você a espera do combo para serem derrotados.

Você tem que saber que nesse jogo você vai morrer 5,10,15 vezes por tela, se der, a depender do seu nível de estratégia para encarar a ‘horda’ ou o mini boss, ou boss que te derrotou, a cada morte você tem que buscar tirar algo, um padrão novo de ataque do inimigo para esquivar, ou combo seu que encaixe melhor naquele inimigo, uma esquiva a mais uma a menos, enfim aprenda algo, porque com um numero ‘limitado’ de vidas por run, todas elas valem muito.

Cenários e objetos, grandes aliados

Dentro da estrutura de SIFU, o jogo é divido em 5 telas ou stages, a principio, e além de obviamente por exemplo os arredores do armazem no cortiço (stage 1) se difere muito do interior do clube (stage 2)em questão de arte, musica é excelente por exemplo em todos os cenários e em todos os momentos do jogo.

Mas voltando para o cenário, no que diz respeito sobre como você vai interagir com ele é sempre a mesma coisa, utilize as partes planas, mesas de bar ou de madeira, ou colchonetes e etc para deslizar e se movimentar com mais leveza durante o combate, e pegue todos os itens que for possível para ‘tacar’ em um adversário ou para usar de ‘espada’, opções ai não faltam, vão desde um tijolo no chão, passando por garrafas de bebida, até a canos e cabos de vassoura, ou bastões próprios para combate, ou seja encarne o Jackie Chan, role pelas mesas e bata nas pessoas com uma garrafa de sakê, ajuda pra caramba.

SIFU tem mecânicas ‘próprias’

Sifu é um jogo roguelike, que em uma definição simples tem elementos de rpg, em que o jogo se sintetiza em explorar o ambiente normalmente ‘aleatório’ mas com ‘predefinições’ estabelecidas, como o fato da tela do armazém parecer com a do clube que parece com a do Museu e por ai vai, mas o principal ingrediente do roguelike é a permadeath ou a morte permanente. ( isso e muito mais sobre jogos rouguelike, rouguelite ou o próprio percursor o jogo rogue, você pode ler aqui nesse artigo do site Masterclass, em inglês).

E Sifu tem muitos desses elementos, mas em sua mecânica por exemplo existe a morte permanente, mas só depois de um tempo? e como é isso? Sifu introduz um contador de anos que é adicionado a sua idade final, portanto se você morre com 40, mas tem 4 anos no contador de mortes, na próxima vida você vai a 44 anos, e na próxima morte você provavelmente irá a 49, a não ser que você tenha feito muitos pontos na nova ‘partida’ derrotado um boss ou um mini boss, onde você consiga reduzir seu contador de mortes a 1 por exemplo, e ai você vai a 45 ao invés dos citados 49.

Lembre-se, seu objetivo em SIFU é zerar o jogo antes de 70,75 anos, onde ai a sua morte é ‘permanente’. e você terá de iniciar a tela em que você morreu na idade em que você começou, ou você pode começar novamente o jogo da primeira tela com 20 anos, a idade inicial do jogo, e tentar melhorar toda a sua campanha.

Existe também em SIFU uma ‘diferenciada’ arvore de habilidade, na qual você vida a vida perde todas as habilidades, combos e golpes de foco, que você só pode ter de forma definitiva após comprar 5 vezes, portanto se você curte utilizar, compre 5 vezes, vai ajudar muito.

Outra mecânica importante, mas ai no caso é mais uma ‘ajuda’ do jogo, é que a cada item importante que você pega, você nunca perde, então se por acaso você pegou uma chave com 64 anos que te leve direto ao mestre, se você começar aquela tela em uma outra run com 20 anos, a chave estara lá para ser usada, se você quiser é claro.

SIFU: Vale a pena?

Falar que um jogo vale a pena é algo complicado, com SIFU é mais ainda, depende realmente do estilo de jogo que você gosta: é jogo com grandes histórias cinematográficas, mundos abertos ou missões variadas? se sim, passe longe de SIFU, gosta de um jogo um pouco mais fácil? se sim, siga longe desse jogo, agora se você quer um desafio, passar longas horas repetindo as mesmas coisas, só para no fim provar que você é ‘bom no videogame’, e tem o bolso para isso, pois infelizmente SIFU esta por R$ 215,00 na PSN, um pouco caro, esta mais convidativo para para PC, esta saindo por R$ 75,99.

Mas para mim que escrevi essa resenha, e dei um grito de emoção a cada mestre derrotado, a experiência de SIFU valeu bastante, eu recomendo. E você já sabe para essas e outras recomendações, acesse a seção de games no Meta

* Agradeçemos a Sloclap e a Theogames, por nos ceder um código para a Review de SIFU

ANÁLISE CRÍTICA - NOTA
História
Gráficos
Trilha sonora
Jogabilidade
Opa galera, tudo bem? Fui o eleito da equipe do Meta para me torturar digo jogar o mais novo jogo do estúdio Sloclap, os criadores do bem popular Absolver, e de claro SIFU um jogo em que a história remete a um filme a...sifu-review-ps5-domine-a-arte-do-kung-fu-ou-voce-sifu

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here