Os Maiores Mistérios de One Piece que ainda faltam ser revelados

Alguns animes sobrevivem em cima de um único mistério. O que é o One Piece? Isto é a duvida inicial, mas conforme Oda foi criando seu mundo, ele foi alimentando mais e mais duvidas na cabeça dos fãs. Desde mistérios históricos até atuais. Um universo tão rico e cheio de vida igual é o de One Piece não poderia sobreviver por mais de mil capítulos somente em cima de seu título. Vamos fazer agora uma exercício de recordação e relembrar dos maiores mistérios de One Piece!

Antes de mais nada, vamos esclarecer o seguinte: é uma lista dos maiores mistérios de One Piece. Mistério é diferente de dúvida, que é algo pessoal. Você pode ter uma duvida gigantesca sobre quem é a mãe da Nami, por exemplo, mas isso não é um mistério criado pelo anime, só algo que não foi contado. Mistério, portanto, se trata de algo que o anime fez questão de mostrar que será relevante, mas que a informação ficou pela metade.


1 – Histórias de Capa

As histórias de Capa de One Possuem uma função bem simples na história. Elas vão mostrando, de forma estática e sem diálogos, alguns personagens de arcos anteriores. Algumas capas seguem certos personagens durante muitos capítulos, enquanto outras se dedicam a mostrar diferentes personagens em diferentes momentos. Nestas capas, por exemplo, acompanhamos Ace em sua busca por Barba Negra após Alabasta.

Mas as Capas não servem só de curiosidade, elas também geram muitos questionamentos. Alguns dos maiores mistérios se referem as história de Enel pós Skypiea. As aventuras do usuário da fruta do Trovão mostram sua chegada a Lua. Lá, o vilão encontra uma antiga civilização desativada e com sua energia ele bota tudo em funcionamento novamente. Ao fim, temos um exército dessa civilização lunar sob o comando dele. O que Enel fará com este exército?

Mas não só este mistério é carregado pelas capas. Como na imagem acima, temos um grande mistério da Capa 631 onde vemos de costas alguém que aparenta ser Shiki, dado como morto. Outra capa curiosa é aquela em que Makino carrega um bebê que não sabemos se é de Shanks ou não. E, falando no Yonkou, temos outra capa envolvendo um casamento e não sabemos de quem era.

2 – O que é o All Blue

O trio principal dos membros do bando possui sonhos grandes. Luffy deseja ser o Rei dos Piratas, Zoro o maior Espadachim do mundo. Já Sanji, diferente dos outros dois, não busca o topo de nenhuma categoria e sim encontrar algo (assim como Luffy o One Piece). O All Blue é introduzido no recrutamento do cozinheiro lá no Baratie. Todavia, temos somente uma pequena informação de que se trata de um mar lendário que contém todos os peixes.

Dentre os maiores mistérios de One Piece o All Blue é o mais ignorado. Num geral, tivemos pouquíssimas menções ao sonho de Sanji ao longo da história. O personagem demonstra pouco interesse ou curiosidade em relação ao seu sonho. Na Ilha dos Tritões, por exemplo, era uma boa oportunidade para Sanji questionar sobre o assunto ao Rei Neptune, mas não o faz. Minha teoria é que o lendário mar é mantido em off de forma semelhante ao One Piece. Afinal, o sonho de Zoro segue de forma estática desde seu confronto com Mihawk, assim como Luffy nunca pergunta a ninguém o que é o One Piece.

3 – O Significados dos “D”

A Vontade dos D é um dos mais mistérios de One Piece, assim como um dos mais antigos. Por ser inicialmente o nome do meio do Luffy, a letra D já chama a atenção, mas começa a se torna rum mistério mesmo em Drum, quando é revelado que Roger também era um dos D. O nome possui diversos representantes como Law e parece ter algo a ver com o século perdido.

É dito que os D são um perigo para o governo e devem ser aqueles responsáveis pelo novo amanhecer. Porém, isso não significa que necessariamente são pessoas boas, pois Barba Negra também é um D. A família de Luffy, assim como Ace e sua mãe também são representantes dos D. Temos poucas informações além destas sobre qual a função destas pessoas e o que as liga além do nome, mas é provável que este seja um dos primeiros mistérios da lista a ser respondido.

4 – O que houve no Século Perdido? E quem é Im-sama?

Talvez aquele que revele a maioria destes mistérios da lista, o século perdido é o grande objetivo de Robin. Este século se trata do período entre 900 e 800 anos atrás. É sabido que houve uma grande guerra e que desta guerra se originou o Governo Mundial que rege o mundo até hoje. Tal período é um segredo guardado pelo governo e qualquer estudo em relação a ele é considerado um crime. Porém, os ocorridos do século perdido estão registrados nos Poneglyphs, que podem ser lidos por Robin. Gol D. Roger e Barba Branca sabiam do que houve durante este período, mas aparentemente não podiam fazer nada.

Minha teoria é que se trata de um período em que o mundo se juntou para enfrentar uma ameaça, e Im-sama se aproveitou para assumir o controle do mundo. A união entre os 20 reinos, que deveria significar uma distribuição de poder, na verdade foi uma mentira. Desta maneira, acredito que o atual Governo Mundial não era o vilão do século perdido e sim outra ameaça que não nos foi apresentada ainda.

5 – Sombras do Florian Triangle

Claramente baseado no triângulo das bermudas, o Florian Triangle é um pedaço do mar que o bando passa após Water 7 enquanto tenta ir até a Ilha dos Tritões. Lá, porém, devido a névoa espessa que dificulta a entrada do sol, eles são pegos por Thriller Bark e acabam enfrentando Gekko Moria. Tudo parece bem simples e a justificativa perfeita para o arco de “terror” que Oda coloca na obra, casando bem com a ideia de poderes de manipular sombras de Moria.

A grande questão é que, ao fim do arco, temos uma revelação de que os barcos já afundavam e sumiam no local muito antes de Moria chegar e Lola revela ter visto uma criatura (uma silhueta) absurdamente gigantesca. O que é esta criatura e o porquê ela navega pelo Florian Triangle é um dos maiores mistérios de One Piece. Alias, nunca mais vemos menção alguma a isso na história. Existem teorias de que seja outro elefante, idêntico a Zunisha, que talvez esteja sem sombra por algum usuário antigo da Kage Kage no Mi e por isso está preso no único local onde o sol é incapaz de alcançá-lo, apesar de seu tamanho gigantesco.

6 – Barba Negra com mais de uma fruta

Na Guerra de Marineford Barba Negra aparece já no fim da batalha, após a morte de Ace. Ele enfrenta e perde para Barba Branca, mas junto de sua tripulação, dá os golpes finais no lendário pirata. Apos isso, de forma misteriosa, o grande vilão do anime adquire a Gura Gura no Mi de Newgate e é, até então, o único personagem da história a ter duas frutas. É dito que aquele que comer duas frutas morre e o motivo de Barba Negra ser capaz de tê-las e não sofrer consequências por isso é um grande mistério.

A teoria mais comum é a de que Barba Negra tem mais de uma personalidade. Partindo desta premissa simples podemos nos aprofundar tanto do ponto de vista psicológico, com ele podendo ter dupla personalidade, quanto física, com ele tendo outro corpo grudado ao seu. A teoria dos irmãos siameses é a mais difundida, pois casa melhor com a questão mistica das frutas, que dificilmente seria burlada por uma dupla personalidade. Pode ser, porém, que a resposta seja algo que ninguém pensou ainda e talvez o personagem adquira outra fruta, aumentando seus mistérios mais ainda.

7 – Noah, Armas Ancestrais e Joyboy

Este tópico será três em um, pois há bastante assunto para falar e grande parte dos maiores mistérios de One Piece nascem na sua metade, a Ilha dos tritões.

7.1 – Noah

Na Ilha dos Tritões temos a adição de diversos mistérios. Além das Armas Ancestrais e Joyboy, que falaremos em seguida, temos o grande barco Noah. É dito pelo Rei Neptune que era seu dever proteger a Arca e por Robin que Joyboy se desculpou por não ser capaz de usá-la. Enquanto tentava evitar do barco destruir a iha, Luffy acaba o danificando e os Reis dos Mares o levam embora para ser consertado e poder ser usado “quando chegar a hora”.

No arco dos tritões fica evidente que o sonho de Otohime era unir os homens aos tritões e este deve ser o objetivo de Jimbe também. Este mistério, portanto, parece ser o mais simples de todos de se adivinhar, sendo a arca, possivelmente, responsável por levar os habitantes da Ilha dos Tritões para a superfície, retirando-os de seu isolamento no fundo no oceano, vendo a verdadeira luz do sol e o real amanhecer. Considerando que a ilha fica localizada próxima de Mariejoa, é bem provável que isso tudo ocorra ao fim do anime, com Luffy destruindo a ilha como é previsto pela Madame Shirley. Todavia, tal destruição seria algo positivo e não ruim como se imaginava.

7.2 – Armas Ancestrais

Também na Ilha dos Tritões nos são aprofundadas as Armas Ancestrais. Todavia, sua primeira menção ocorre em Alabasta com Crocodile dizendo estar atrás de Pluton, que possivelmente estaria no país. Robin, sendo capaz de ler Poneglyphs, diz que não há nada escrito na pedra de Alabasta, mas descobrimos recentemente no capítulo 1053 que ela mentiu. Com isso, na Ilha dos Tritões, nos é revelado que Poseidon é Shirahoshi, e que Pluton, que nos é apresentado como um navio de Guerra em Water 7, está em Wano. Não temos, no entanto, nenhuma menção a Uranus até o momento além da revelação de sua existência durante a conversa de Robin e Neptune.

Uranus, na mitologia Grega, seria o Deus dos Céus e pai de todos, incluindo o titã Chronos, pai de Poseidon. Enquanto que Pluton é o paralelo romano de Hades, que também é filho de Uranus. Se considerarmos Uranus como pai de todos, podemos chegar a conclusão de que a arma deve ter algo relacionado a Zeus, o único da trindade Grega que falta entre as armas e deve ser a mais perigosa de todas. Robin já sabia a localização de Poseidon desde Skypiea e a de Pluton desde Alabasta, então não é difícil concluir que ela provavelmente saiba o que é Uranus e onde encontrá-lo. Possivelmente, esta arma deve ficar sob posse de alguém poderoso para equilíbrio de forças na Guerra Final da história.

7.3 – Quem foi Joyboy?

Joyboy é mencionado pela primeira vez na Ilha dos Tritões. É dito que este homem não foi capaz de cumprir sua promessa com os habitantes da Ilha – que provavelmente envolvia levá-los à superficie. Porém, mais do que isso, o lendário ser parece ter algo a ver com o século perdido e foi contemporâneo dele e da antiga Poseidon. Não só isso, mas o antigo portador da atual fruta de Luffy também é o dono original do One Piece, que provavelmente se trata, em parte, de um guia para que quem encontrá-lo, seja capaz de fazer o que Joyboy não foi.

Sendo bem direto, para mim este ser foi o responsável por deixar tudo organizado para que um dia, aqueles que fossem capaz de reunir os Poneglyphs – ou seja, somente pessoas determinadas -, corrigissem os erros que ele não foi capaz. Para que estas pessoas sejam capazes de entender melhor as motivações deles, foram criadas pedras contendo os ocorridos no século perdido e também os guiando até Laugh Tale, onde está o One Piece e a missão final de enfrentar o Governo Mundial. Pode ser que, junto com o One Piece, esteja um tesouro, uma espécie de pagamento de Joyboy àquele que aceitar a missão. Roger foi incapaz de obedecer ao pedido, pois Poseidon ainda não havia nascido e Wano, que contém Pluton, estava com suas fronteiras fechadas.

8 – O que tem na última Ilha?

A Ilha Road Star é a última ilha da Grand Line. O local, misteriosamente – ou não -, não aponta para a ilha seguinte, com o Log Pose ficando girando sem parar. O Rei dos Piratas, ao chegar lá, não sabia mais o que fazer, foi então que ele descobriu sobre os Poneglyphs e refez seu caminho indo atrás deles. Com isso, Roger finalmente foi capaz de encontrar Laugh Tale. Como Luffy já sabe o que precisa fazer para chegar em Laugh Tale, não sabemos ainda o que ele encontrará ao chegar na última ilha da Grand Line e o porquê outros piratas não a alcançam com frequência.

Naturalmente, por ser a parada final da Grand Line, é bem possível que a ilha tenha alguma informação ou segredo relevante para encontrar o One Piece. Talvez até mesmo o último dos Roads Poneglyphs que faltam tenha sido guardado lá por Roger. Lembrando que são quatro e um deles, que deveria estar na Ilha dos Tritões, está desaparecido. O Rei dos Piratas pode ter deixado ele na Road Star e pedido que fosse entregue somente a alguém merecedor e isto casaria com a frase do Barba Branca de que Teach “não é o homem que Roger espera”.

09 – O Tesouro do Capitão John

John foi um dos piratas do bando dos Rocks, o mais infame bando da história. Como um dos membros desta lendária tripulação, era um homem poderoso e a exemplo dos três que viriam a se tornar Yonkous, virou um grande pirata após a queda de seu capitão. Ouvimos falar sobre pela primeira vez através de Buggy que é fissurado no tal tesouro, inclusive sendo capturado enquanto o procurava. Em Impel Down, buggy pega a braçadeira que Luffy conseguiu em Thriller Bark e que deveria ser um mapa para o tesouro do Capitão John.

Desde então, não sabemos o que o pirata palhaço fez com este mapa. No início parecia uma brincadeira, mas com o passar do tempo, não só John foi ganhando importância através de Xebec, mas o próprio Buggy ao se tornar um Yonkou, indicando que o tesouro provavelmente se trata de algo muito relevante pra história. Talvez, inclusive, seja a razão do Palhaço ter se tornado um dos Imperadores. Seria o tesouro do Capitão John uma das Armas Ancestrais?

10 – O Incidente de God Valley e Xebec

Há 38 anos, em God Valley ocorreu um incidente. Lá, Garp e Roger – que viria a ser o Rei dos Piratas -, enfrentaram Xebec e, após isso, a ilha desapareceu do mapa sem deixar rastros. Xebec, o capitão de Big Mom, Kaidou e Barba Branca, parecia querer ser o dono do mundo e assumir o trono vazio. Por causa deste incidente, Garp se tornou o herói da Marinha, até porque obviamente não foi revelado ao grande público que Roger ajudou na luta.

Meu palpite é que o incidente em God Valley foi uma tentativa de Xebec em assumir o poder destruindo os nobres. Porém, para impedir que alguém tão infame assumisse tal poder, Roger e Garp se uniram para enfrentá-lo. Seus subordinados, como bons piratas que são, não queriam nada disso e sim navegar, provavelmente deixando seu capitão lutar sozinho. Talvez Xebec era tão forte que a ilha precisou ser evacuada no processo e para derrotá-lo foi necessário afundá-la no mar. Assim, com o perigo causado, os nobre foram realocados próximos da base da Marinha, para evitar que algo parecido ocorresse novamente.

Em Conclusão

Estes são os maiores mistérios de One Piece. Claro que não se tratam das maiores duvidas dos fãs, já que isso é pessoal. Como eu disse, lá na introdução, duvida é diferente de mistério, muitos têm duvidas sobre a mãe do Luffy, a origem do Zoro, ou coisa do tipo. Porém, a história nunca trabalhou isso como um mistério e nunca deu indícios de que serão coisa relevantes, diferente dos itens da lista. Esta diferenciação é importante para não se criar expectativas sobre coisas que a história não prometeu e depois não se decepcionar por não obter tais respostas.

Quem quiser saber quem sou, olha para o céu azul...Amante de infinitas coisas, desde animes, games, filmes, séries, música, futebol, literatura...Toda e qualquer uma dessas artes, mas, principalmente, a escrita, que torna minhas palavras imortais igual ao meu tricolor!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here