Star Wars: todos os sobreviventes da Ordem 66 (canônico)

A Ordem 66 do Protocolo Clone fez com que soldados clones outrora leais em Guerra nas Estrelas acabassem com os Jedi, mas um punhado conseguiu sobreviver a esse expurgo inicial

Star Wars

Star Wars: todos os sobreviventes da Ordem 66 (canônico)

A Ordem 66 foi um momento crucial na história de Star Wars, uma das mais famosas franquias de Ópera Espacial, quando Palpatine ordenou que os soldados clones executassem os Jedi, mas um punhado de sobreviventes permaneceu. Palpatine orquestrou as Guerras Clônicas como a armadilha Jedi perfeita, com dor e sofrimento em toda a galáxia separando os Jedi do lado bom da Força. As Guerras Clônicas terminaram com a Ordem 66, a ordem de Darth Sidious para matar todos os Jedi.

Star Wars: The Clone Wars (2008) mostrou que os clones não tinham escolha a não ser obedecer a Palpatine. Implantaram chips de supressão em todos os clones, limitando seu próprio julgamento e forçando-os a se submeter à vontade de Palpatine. Assim, assim que emitiram a ordem, a Ordem nº 66 teve a sua eficiência implacável. Enquanto isso, em Coruscant, Anakin Skywalker – agora Darth Vader – liderou seus clones em um ataque ao próprio Templo Jedi. Mas por mais eficaz que fosse o plano do imperador, nunca foi totalmente bem-sucedido. Um punhado de Jedi sobreviveu.

Yoda

Yoda

Em Star Wars: Episódio III – A Vingança dos Sith (2005), Yoda estava em Kashyyyk ajudando os nativos Wookiees a lutar contra os Separatistas. Yoda sentiu a perturbação na Força e matou os soldados clones que estavam prestes a matá-lo, em seguida escapou de Kashyyyk com a ajuda de Chewbacca e Tarful. Posteriormente, juntou-se a Obi-Wan Kenobi, retornando a Coruscant para descobrir a verdade sobre a traição de Anakin Skywalker e a identidade Sith de Palpatine.

Obi-Wan Kenobi

Obi-Wan Kenobi

Obi-Wan estava indo a Utapau para derrubar o General Grievous, pondo fim às Guerras Clônicas. O comandante clone Cody recebeu a ordem de derrubar o general Jedi. Obi-Wan estava subindo um penhasco em uma montaria reptiliana. Embora o tivessem derrubado em um rio, ele conseguiu escapar das águas turbulentas. Depois de um tempo, ele duelou com Anakin Skywalker. Triunfante, portanto Obi-Wan entregou o filho recém-nascido de Anakin, Luke, para seus tios em Tatooine, e se exilou no mundo do deserto.

Ahsoka Tano

Ahsoka Tano

Ahsoka Tano apareceu pela primeira vez em Star Wars: The Clone Wars como a Padawan de Anakin, mas ela deixou a Ordem Jedi durante a 5ª temporada. Ela estava a caminho de entregar um Maul capturado ao Conselho Jedi em Coruscant quando Anakin caiu para o lado negro, e ela sentiu que algo estava errado através de seu vínculo com ele. Ahsoka libertou Maul como uma distração e descobriu maiores informações sobre o chip inibidor, conseguindo remover o chip de Rex. Os dois lutaram contra ex-amigos até que sua nave caiu em uma lua não identificada. Ahsoka e Rex fingiram suas próprias mortes, embora Darth Vader soubesse que ela havia sobrevivido por meio de uma visão da Força.

Kelleran Beq

Na terceira temporada de The Mandalorian, um flashback da Ordem 66 revelou que um Mestre Jedi chamado Kelleran Beq sobreviveu à Ordem 66 também. Quem dá vida ao jedi é Ahmed Best, famoso como captura de movimento e dublador de Jar Jar Binks na trilogia prequela de Star Wars. Descrito como o Reitor da Ordem Jedi, Kelleran Beq se concentrou em treinar a próxima geração de Jedi. Ele escapou do Templo Jedi com um jovem pupilo, o misterioso Grogu, e os dois fugiram de Coruscant. Contudo, ninguém sabe o destino de Kelleran Beq.

The Grand Inquisitor

The Grand Inquisitor

O Grande Inquisidor foi o principal antagonista da primeira temporada de Star Wars Rebels, mas após sua morte, revela-se que ele era um Cavaleiro Jedi e um guarda do Templo. Ele estava presente no julgamento de Ahsoka quando a acusaram de bombardear o Templo Jedi e trair a Ordem. Ahsoka era inocente, mas a falsa acusação e o tratamento dado pela Ordem a Ahsoka deixaram o Grande Inquisidor desiludido com a Ordem Jedi, e ele desertou antes da Ordem 66, caindo para o lado negro.

Caleb Dume

Caleb Dume

O Padawan de Depa Billaba, Caleb Dume, sobreviveu à Ordem 66 graças ao Clone Force 99. Como visto na primeira temporada de Star Wars: The Bad Batch, esses clones mutantes foram capazes de resistir a seus chips inibidores e ficaram compreensivelmente confusos quando seus irmãos clones começou a executar Jedi. Eles ajudaram Caleb a escapar e ele assumiu o nome de Kanan Jarrus.

Luminara Unduli

Luminara Unduli

Luminara Unduli sobreviveu à execução inicial em Star Wars Rebels, pois estava em Kashyyyk ao lado de Yoda. Contudo, não foi por muito tempo, infelizmente! Posteriormente, a capturam e a levam para o Spire em Stygeon Prime, onde Grande Inquisidor a executa.

Reva Sevander

Reva Sevander

Aparecendo pela primeira vez na série Obi-Wan Kenobi da Disney+ e sendo um dos sobreviventes da Ordem 66 em Star Wars, Reva era um Padawan que sobreviveu ao massacre no Templo Jedi. Ela cresceu nas ruas de Coruscant, antes de encontrar seu caminho para os Inquisidores. Embora ela queimasse com um ódio feroz de Jedi, na verdade Reva se guiou pela esperança de que ela seria capaz de se vingar de Darth Vader.

Quinto irmão e sétima irmã

Fifth Brother & Seventh Sister

O Quinto Irmão e a Sétima Irmã eram membros dos Inquisidores Imperiais e antagonistas secundários em Star Wars Rebels ao lado do Grande Inquisidor. Os quadrinhos de Darth Vader revelaram que todos os inquisidores eram Jedi. Qualquer Jedi que não executaram como parte do Grande Expurgo Jedi após a Ordem 66 e voltou para o lado negro, tornou-se encarregado de caçar Jedi sobreviventes, crianças sensíveis à Força e dissidentes políticos. Tanto o Quinto Irmão quanto a Sétima irmã eram ex-Jedi sem nome que sobreviveram à Ordem 66 e entraram no programa Inquisitorius.

Trilla Suduri

Trilla Suduri

Jedi: Fallen Order apresentou outros membros do Inquisitorius; Trilla Suduri (segunda irmã) e a nona irmã sem nome. Trilla era a ex-Padawan de Cere Junda; sobrevivendo à Ordem 66, as duas se esconderam com um grupo de Younglings que estavam protegendo. Infelizmente, ambas foram capturadas e submetidas a tortura. Cere conseguiu escapar, mas a tortura de Trilla a transformou na sádica Segunda Irmã.

Cere Junda

Cere Junda

Em Star Wars, Cere Junda é uma das sobreviventes da Ordem 66. O império conseguiu capturá-la, mas ela dá um jeito de escapar. Cere quebrou sob tortura, desistindo de seu Padawan. Algum tempo depois da transformação de Trilla em Segunda Irmã, a buscam para zombar do fracasso de Cere como Jedi e Mestre. Transbordando de raiva e arrependimento, Cere tocou no lado negro e matou quase todos na sala antes de escapar. A personagem se separou da Força depois disso, com medo de cair mais fundo no lado negro, até que conheceu Cal Kestis.

Cal Kestis

Cal Kestis

Cal Kestis, o herói de Fallen Order era uma criança no final das Guerras Clônicas e o Padawan de Jaro Tapal, membro dos Lasa. Como Yoda, Tapal sentiu a queda de seus irmãos Jedi durante a Ordem 66 e conseguiu proteger Cal por tempo suficiente para escapar com segurança para o planeta Bracca. Tapal, infelizmente, morreu nos braços de seu padawan. Cal carrega o sabre de luz de seu mestre falecido desde então.

Taron Malicos

Taron Malicos

Taron Malicos foi um general Jedi de confiança durante as Guerras Clônicas, que apareceu pela primeira vez em Fallen Order. Depois de derrubar seus soldados clones, Malicos pousou em Dathomir, lar das bruxas Dathomir conhecidas como Nightsisters. Quando ele conheceu Merrin, a última Nightsister sobrevivente, ele disse a ela que os Jedi eram responsáveis pelo genocídio de suas irmãs e prometeu vingança se ela lhe ensinasse a magia Nightsister. Quando Cal Kestis veio para Dathomir e soube do engano de Malicos, os dois duelaram até que Merrin usou sua magia Nightsister para enterrar Malicos no chão.

Jocasta Nu

Jocasta Nu

Jocasta Nu era a bibliotecária dos Arquivos Jedi no Templo de Coruscant. Não se sabe exatamente como Jocasta sobreviveu à execução inicial, mas nos quadrinhos de Darth Vader, Sidious queria que trouxessem Jocasta viva, já que sua riqueza de conhecimento seria valiosa para o Império. Quando Jocasta voltou ao Templo Jedi para mais Holocrons com planos de abrir uma escola e restaurar a Ordem Jedi, ela cruzou o caminho com o Grande Inquisidor – e mais tarde Darth Vader a matou.

Nari

Nari

Aparecendo pela primeira vez na série Obi-Wan Kenobi da Disney+ e sendo um dos sobreviventes da Ordem 66 em Star Wars, Nari era um Jedi humano que de alguma forma sobreviveu à Ordem 66 e passou nove anos tentando encontrar uma maneira de lutar contra o Império. Suas viagens eventualmente o levaram a Tatooine, perseguido pelos Inquisidores, e ele involuntariamente colocou Obi-Wan e o jovem Luke Skywalker em risco. Obi-Wan tentou persuadir Nari a deixar de ser um Jedi, mas sua intervenção chegou tarde demais. Nari morreu na mão dos Inquisidores.

Oppo Rancisis, Coleman Kcaj, Ka-Moon Kholi, & Selrahc Elous

Darth Vader comics

Entre os sobreviventes da Ordem 66 em Star Wars, Oppo Rancisis, Coleman Kcaj, Ka-Moon Kholi e Selrahc Eluos eram todos nomes em uma lista de sobreviventes do Inquisitorius, conforme os quadrinhos de Darth Vader. Oppo Rancisis era um Mestre Jedi que serviu no Conselho por séculos antes da era prequela, e Coleman Kcaj era um Mestre Jedi que serviu no Conselho no final das Guerras Clônicas e esteve presente no julgamento de Ashoka Tano em Star Wars: The Guerras Clônicas. Não se sabe muito sobre os outros dois, nem os detalhes exatos de como eles sobreviveram revelados no cânone de Star Wars.

Gungi

Gungi

Apresentado em Star Wars: The Clone Wars, Gungi era um Wookiee Youngling com um futuro brilhante pela frente – até a Ordem 66. Sabemos que ele sobrevive na segunda temporada de Star Wars: The Bad Batch. Gungi foi para o planeta natal Wookiee Kashyyyk, mas o seu destino final ainda é desconhecido.

Kirak Infil’a

Kirak Infil'a

Kirak Infil’a não era um membro ativo da Ordem Jedi durante a Ordem 66, mas partiu como parte de um voto Jedi Barash. Ele sentiu a Ordem 66, mas optou por não sair das sombras. Contudo, mesmo assim Darth Vader o caça logo após Star Wars: Episódio III – A Vingança dos Sith, enquanto o Lorde Sith procurava um novo cristal kyber para sangrar e ficar vermelho. Ele finalmente morreu nas mãos de Vader. Sacanagem, não é? Alguns, sobreviveram depois da Ordem 66, mas não duraram tanto tempo assim!

Naq Med

Naq Med

Apresentado no romance para jovens adultos Force Collector, Naq Med deixou a Ordem Jedi algum tempo antes da Ordem 66 e teve uma filha com uma mulher não identificada. Depois de aprender sobre o Grande Expurgo Jedi e um confronto com o Grande Inquisidor, Naq Med abandonou sua família para protegê-los. No livro, quem o localiza é seu bisneto Karr Nuq Sin, que possuía o raro poder da Força conhecido como psicometria.

Ferren Barr

Ferren Barr

Ferren Barr era um Padawan quando emitiram a Ordem 66, mas não se sabe exatamente como ele sobreviveu à execução inicial. Após seu exílio, Ferren conseguiu invadir um holograma da Força de Segurança de Coruscant e descobriu a identidade de Darth Vader. Com esse conhecimento, Ferren começou a recrutar pessoas simpatizantes da queda dos Jedi para derrubar o controle dos Sith sobre a galáxia. Ele acabou sendo morto em batalha durante um confronto com Darth Vader.

Eeth Koth

Eeth Koth

Um Mestre Jedi Zabrak, Eeth Koth deixou a Ordem antes das Guerras Clônicas e se estabeleceu para ter uma família. O problema? Darth Vader e seus Inquisidores chegaram momentos após o nascimento da filha de Eeth Koth, e assassinaram o ex-Jedi. Como se não bastasse, sequestraram a sua filha para o Projeto Harvester de Palpatine para receber treinamento para preservar o futuro em nome dos Sith.

Come to the Dark Side. We have coffee with cookies! ☕

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here