Dia dos pais: os melhores Pais dos Games

Seja nas obras de ficção ou no dia a dia da vida real, biológicos ou adotivos, os pais tendem a ser a principal referência para os seus filhos.

Rost, um dos melhores pais dos games (Reprodução: Horizon Zero Dawn)
Rost, um dos melhores pais dos games (Reprodução: Horizon Zero Dawn)

Dia dos pais: os melhores Pais dos Games

Seja nas obras de ficção ou no dia a dia da vida real, biológicos ou adotivos, os pais tendem a ser a principal referência para os seus filhos. Eles podem ser durões e dar broncas. Contudo, são eles que ensinam lições importantes! Além disso, são eles que demonstram o quanto amam seus filhos da melhor forma. Com uma missão tão importante, não restam dúvidas de que eles são capazes de inspirar. Como sabemos perfeitamente que nem sempre é assim, acabamos por ver famílias detestáveis em nossos programas favoritos. Também podemos ver famílias que fazem a gente querer estar ali com eles. Em comemoração ao Dia dos Pais, nós separamos 6 dos melhores e mais incríveis pais dos games. Confira!

Geralt de Rivia (The Witcher)

Geralt de Rivia e Cirilla
Geralt de Rivia e Cirilla (Reprodução: The Witcher)

Originalmente, The Witcher  é uma série literária de contos e romances de fantasia escritos pelo polonês Andrzej Sapkowski que seguem a história do mítico Geralt de Rívia. Para a felicidade dos fãs, gerou uma saga de jogos eletrônicos e uma série na Netflix. Geralt não é o pai de Cirilla, mas a garota está sob seus cuidados. Então, nada como começar a lista fazendo uma menção honrosa ao Geralt, que está fazendo um papel de paizão e sempre protegendo a garota.


Horizon Zero Dawn

(Reprodução: Horizon Zero Dawn)
(Reprodução: Horizon Zero Dawn)

Rost é o pai adotivo de Aloy que aceita seu exílio pra cuidar da menina. Literalmente, ele está nem aí para as conversinhas de “a menina pode ser amaldiçoada” e tudo a mais que o seu povo fala! Mesmo quando ela cresce e pode sair do triste exílio, ele sequer implora pra voltar pra casa. Nada arrependido de ter cuidado da garota. Sabe o mais triste? Ele morre pra salvar Aloy. Esse pai adotivo é mais legal que muito pai biológico, mas com um final muito triste.

Harry Mason (Silent Hill, 1999)

(Silent Hill, 1999)
(Reprodução: Silent Hill, 1999)

Há locais que ninguém gostaria de visitar em sã consciência, como zonas de conflito militares e principalmente cidades amaldiçoadas. Contudo, Silent Hill é a cidade amaldiçoada que ainda por cima faz ter motivos fortes o suficiente para visitas. No caso do escritor e pai viúvo Harold Mason, foi o desaparecimento da filha adotiva Cheryl. Com todas as pistas apontando para Silent Hill, o protagonista encara o Inferno na Terra para poder encontrar pistas de sua filha. Fala sério, não é qualquer pai que entra numa cidade esquisita cheia de monstros, não!

Joel (The Last Of Us)

Joel – The Last Of Us
(Reprodução: The Last Of Us)

Joel efetivamente assume deveres de pai duplo em The Last Of Us! Afinal, primeiro ele mostra que ele é um pai justo, gentil e amoroso para Sarah. Depois, ele passa a cuidar de outra jovem, a protagonista do jogo, Ellie. Como pai biológico ou como pai adotivo, tanto faz, ele sempre se mostra incrível!

À medida que eles viajam, podemos ver Ellie ansiando por sua aprovação, além de fazer um grande esforço no seu crescimento. O ataque de Joel às instalações médicas dos vaga-lumes prova seu amor por ela, que ele estaria disposto a sacrificar a cura para toda a humanidade apenas para que Ellie não tivesse que morrer. É possivelmente um dos atos mais egoístas do mundo dos jogos, mas ao mesmo tempo que mostra que ele é um excelente pai.

 Lee (The Walking Dead)

 Lee – The Walking Dead
(Reprodução: The Walking Dead)

The Walking Dead, da Telltale, foi o jogo que alertou o mundo para os talentos do agora extinto estúdio. Teve o seu lançamento na mesma época do auge da popularidade do programa de TV e das HQs. Bom, a parte interessante é que utilizou da estética dos quadrinhos de Robert Kirkman. O ponto central do jogo era o relacionamento entre Lee – um fugitivo da prisão – e Clementine, uma criança deixada para trás por sua família durante os dias de formação do apocalipse zumbi. Juntos, eles têm que lutar pelo terreno baldio para sobreviver, e é um dos relacionamentos pai-filha mais legais. 

Kratos – God of War

 os melhores Pais dos Games
(Reprodução: God of War)

Um dos melhores pais dos games, sem sombra de dúvidas! O engraçado é que, aparentemente, é o único pai biológico dessa lista! God of War é um dos jogos favoritos do público. Além disso, Kratos também é uma das figuras paternais favoritas também. God of War de 2018 ganhou diversos prêmios com sua visão pioneira da mitologia nórdica, mas a sua história lança uma luz sobre a relação entre Kratos e Atreus. Kratos ficou muito mais cuidadoso, agora que teve esse filho. E mesmo não sendo o pai mais carinhoso do mundo, ele passa literalmente o jogo inteiro protegendo o garoto!

Conte para a gente: você se lembra de outros pais formidáveis? Quais personagens poderia estar na lista de melhores pais dos games também?

Ah! Nós estamos fazendo mais conteúdo de comemoração ao Dia dos Pais! Confira também em nosso portal: Dia dos pais: os melhores pais das séries, Dia dos pais: os melhores pais das séries e Dia dos pais: os melhores Pais dos animes

Goiana. Arqueóloga, focada em Educação Patrimonial. Redatora. Escritora. Apaixonada pela Cultura Brasileira e pela Cultura Geek. Cosplayer nas horas vagas gótica e gamer. Aqui no Meta Galáxia, colaboro com matérias sobre o universo geek: notícias, entrevistas com cosplayers, listas de filmes e animes, análises de animes e jogos, curiosidades e muito mais!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here