O que é Hack and Slash e quais seus principais títulos?

Devil May Cry 5

O que é Hack and Slash e quais seus principais títulos?

No mundo dos jogos eletrônicos, há muitas expressões que podem confundir o público. Anteriormente, já falamos aqui sobre jogos metroidvaniaSoulslike e também de jogos Roguelike e Roguelite. Mais um importante exemplo são os Hack and Slash, mas o que é esse gênero? Quais os principais jogos eletrônicos?

Sendo um dos maiores sucessos entre os fãs de jogos eletrônicos, Hack and slash (ou hack-and-slash, ou hack ‘n’ slash, em tradução direta: corta e massacra) é um gênero de jogos eletrônicos que enfatiza ação e combate corpo-a-corpo. Este gênero de jogos de ação e combate em 3D traz confrontos com adversários massivos, intercalados com ataques rápidos, pistas longas e variadas ao longo das campanhas, graças em grande parte à tecnologia de jogabilidade mais eficiente.

Os principais elementos de jogabilidade

God of War

Um objetivo em comum entre vários jogos de hack and slash é lutar contra hordas de oponentes. Esses jogos normalmente equipam os jogadores com armas corpo a corpo no início do jogo e obtêm acesso a várias ações e armas ao longo do jogo. Frequentemente, lutamos com armas brancas como grandes espadas e machados, mas não é necessariamente uma regra usar apenas elas, já que usamos tanto as armas brancas quanto as armas de fogo em títulos como Devil May Cry. Além disso, Bayonetta trabalha especialmente com armas de fogo.

Uma característica comum é a velocidade do combate, mas principalmente junto a uma construção e execução de “combos” e várias combinações de ataque que se distinguem de franquias como The Legend of Zelda, que não tem esse mesmo foco na velocidade e nos combos. Em suma, é comum encontrarmos no Hack and slash: hordas de oponentes, alta ação, velocidade e combos. Claro, também veremos os famosos chefões, não necessariamente acompanhado de outros oponentes.

Os principais títulos Hack and slash

Onimusha: Warlords

Onimusha Warlords

Para mim, é impossível começar a lista dos principais títulos Hack and slash sem falar de um dos meus jogos favoritos e que marcou minha adolescência.

Em Onimusha: Warlods, os jogadores se juntam ao samurai Samanosuke Akechi e da ninja Kaede em uma missão para salvar a Yuki. Para isso, ele aprende a utilizar o poder dos antigos Oni (demônios da cultura japonesa) para canalizar genma, uma energia contida em todos os seres vivos. Produzido e publicado pela Capcom em 2001, Samanosuke Akechi usa sua espada para combater demônios de forma mais rápida no Japão feudal. Originalmente lançado para PlayStation 2 sob o título “Genma Onimusha”, o jogo também foi convertido para Xbox, PlayStation 4 (PS4), Xbox One e Windows.

Onimusha: Warlods recebeu continuações, mas chegou oficialmente ao Brasil apenas Onimusha 2: Samurai’s Destiny (2002) e Onimusha 3: Demon Siege (2004).

Devil May Cry

Devil May Cry

Eu conheço muitas obras. Vejo muitos animes e jogo muitos jogos, mas consigo ser fangirl de fato de poucas franquias, e Devil May Cry é uma delas. Geralmente, é por mim que as pessoas do meu ciclo social ficam sabendo da adaptação em anime ou das sequências do jogo. Não sou a única fã daqui do Meta Galáxia, já que não fui eu quem publicou a Cronologia de Devil May Cry.

Devil May Cry é uma franquia de jogos de ação e aventura criada por Hideki Kamiya, com desenvolvimento e publicação pela Capcom. A série é centrada no caçador de demônios Dante e seus esforços para impedir várias invasões de demônios na Terra. Sua jogabilidade consiste em cenas de combate nas quais o jogador deve tentar estender longas cadeias de ataques, evitando danos e exibindo um combate estilizado variando seus ataques.

A série faz alusão à Divina Comédia de Dante. Reza a lenda que, quando Hideki Kamiya criou Devil May Cry, seria parte da franquia Resident Evil. Ele desejava mais ação na franquia, mas a Capcom não aprovou. Bom, ao menos não para Resident Evil, pois logo virou uma nova franquia – que fez sucesso maior ao lançarem o terceiro título em 2005.

Saga God of War

God of War Ragnarök

O primeiro God of War teve seu lançamento em 2005 para PlayStation 2 (recebendo remasterizações posteriormente), e segue de Kratos, um ex-general espartano que busca vingança contra Ares, o Deus da Guerra. Para tal feito, o protagonista precisará passar por vários desafios e enfrentar diversos inimigos da Mitologia Grega. Graças ao seu sucesso, sequências foram inevitáveis: God of War II (2007), God of War III (2010), God of War (2018) e God of War Ragnarök (2022) fazem parte da trama principal, mas a franquia também recebeu spin-offs.

Nier: Automata

Nier Automata

Nier: Automata, desenvolvido pela PlatinumGames e publicado pela Square Enix, é um RPG de ação lançado em 2017 com combate no estilo Hack and Slash. Disponível para PlayStation 4, Xbox One, Windows e Nintendo Switch, o jogo é o spin-off da saga Drakengard de 2010 do primeiro jogo e se tornou um favorito dos fãs por sua beleza visual e lutas de chefes memoráveis. A obra recebeu a premiação de Melhor Música/Trilha Sonora no The Game Awards 2017.

Nele, os jogadores controlam uma série de robôs a partir de uma unidade YoRHa que, entre outras coisas, precisam atravessar cenários e pular obstáculos. No geral, a história é tensa, com 26 finais diferentes dependendo das ações do jogador. Vale a pena mencionar, porém, que existem várias armas diferentes disponíveis, dependendo do seu estilo de jogo preferido.

Bayonetta

Bayonetta
Platinum Games/Reprodução

Bayonetta é uma franquia criada por Hideki Kamiya, o mesmo que trabalhava para a Capcom e que criou Devil May Cry. A saga recebeu desenvolvimento pela PlatinumGames. A franquia começou em 2009, mas o sucesso foi tamanho que tivemos a continuação: Bayonetta 2 (2014) e Bayonetta 3 (2022). Além disso, há o spinoff Bayonetta Origins: Cereza and the Lost Demon (2023). Nos jogos, os jogadores controlam uma bruxa apelidada de Bayonetta enquanto ela empunha duas pistolas, atiradores em seus saltos altos e longos cabelos que se transformam magicamente e se tornam uma arma mortal.

Os diversos gêneros e subgêneros dos Jogos Eletrônicos

devil may cry

Conforme já vimos, o mundo dos jogos eletrônicos possui expressões que podem confundir o público, incluindo ao tratarmos de gêneros e subgêneros. Um detalhe que pode interessar aqueles que estão se interessando pelos jogos que citamos em nossas publicações: muitos deles estão disponíveis pela Epic Games Store e pela Steam. Para conhecer melhor esse universo, você poderá conferir em nosso portal:

Austra Caroline
Come to the Dark Side. We have coffee with cookies! ☕

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here