Quem são os 7 perpétuos de The Sandman?

E ai? Vamos conhecer a família mais insana de todos os tempos?

Infinitos de The Sandman
The Sandman – Os Infinitos (Imagem: DC Comics)

Quem são os 7 perpétuos de The Sandman?

É fato: a crítica e o público estão completamente apaixonados com a estreia da série The Sandman na Netflix. A série adaptou a famosa (e lindíssima) saga dos quadrinhos do autor britânico Neil Gaiman e dentro do universo DC Comics, que mostra o senhor do Sonhos e suas aventuras após se libertar de um cativeiro. Contudo, uma coisa que gerou dúvidas para aqueles que ainda não tiveram a oportunidade de ler as HQs: quem são os 7 Perpétuos de The Sandman, a família do qual Sonho faz parte? Nós falamos um pouco sobre eles na publicação O que você precisa saber sobre The Sandman da Netflix, mas que tal falarmos muito melhor aqui?

Basicamente? Os perpétuos são simplesmente os seres ancestrais que nasceram com o universo e morrerão com seu fim. Além disso, simbolizam as forças essenciais da natureza e dos seres vivos. Eles representam o que há de melhor e pior em todas as raças do universo!

Quem – ou o que – são os Perpétuos?

The Sandman - Os Infinitos (Imagem: DC Comics)
The Sandman – Os Infinitos (Imagem: DC Comics)

Nos quadrinhos escritos por Neil Gaiman, os Perpétuos é o nome dado a sete entidades antropomórficas que representam forças da natureza. Eles não apenas simbolizam esses fenômenos, mas também são responsáveis ​​por eles. Os sete são filhos de duas entidades cósmicas muito poderosas: a Noite e o Tempo.

Eles se consideram irmãos e agem como se fossem uma família. Além disso, cada um possui seu próprio reino, onde eles possuem soberania absoluta. Em cada um desses reinos, há uma galeria contendo os símbolos e sigilos dos seus demais irmãos. Seus nomes são: Sonho, Desejo, Desespero, Destruição, Delírio, Destino e Morte. São 3 homens, 3 mulheres e Desejo, que representa todos os gêneros. Falarei abaixo de cada um dos Perpétuos, mas é importante lembrar desse detalhe. Dessa forma, não estranhe se você ver alguém se referindo ao personagem no feminino, masculino ou pronomes neutros.

Sonho

Sonho
Sonho (Imagem: DC Comics)

Apareceu pela primeira vez em: Sandman #1 (Prelúdios e Noturnos) e possui vários nomes, incluindo Morpheus, Oneiros, Príncipe das Histórias e Kai’ckul.

Com a nova série, acho que todos nós já conhecemos o grande protagonista da saga, ou ao menos já ouvimos falar, não é mesmo? Sonho é o terceiro Perpétuo por ordem de nascimento, mais novo apenas que Morte e Destino. Quando ele apareceu nos quadrinhos pela primeira vez, foi aprisionado por um feiticeiro que pretendia capturar a Morte, e ficou ali por sete décadas. A libertação do Perpétuo é o mote principal do quadrinho de Neil Gaiman. Na série, Tom Sturridge quem interpretou o personagem e, para combinar com os dias atuais, a decisão foi que o protagonista ficasse aprisionado por 100 anos.

A principal forma do protagonista é um homem com uma pele pálida, cabelos bagunçados e olhos penetrantes, que brilham como estrelas. E quando falo “forma principal”, é literalmente aquela que vemos com maior frequência, afinal de contas, todos os perpétuos representam todas as etnias da humanidade. Portanto, ele pode aparecer sob outras aparências para algumas pessoas. E quem assistiu a série, já pôde ver uma outra aparência, assim como já notou que sua personalidade é quase sempre arrogante e com um certo desdém. Rancoroso e distante, o Perpétuo fez inimizades com várias pessoas ao longo de sua vida.

Morte

Morte
Morte (Imagem: DC Comics)

Apareceu pela primeira vez em: Sandman #8 (Prelúdios e Noturnos), interpretada por Kirby Howell-Baptiste na série da Netflix.

A segunda mais velha dos Perpétuos, Morte se mostra como uma garota divertida e leve, que frequentemente usa um visual gótico. Inclusive, tanto o visual quanto ser divertida são dois dos fatos favoritos do pessoal da subcultura gótica. A Morte é a mais próxima de Sonho dentre todos os seus irmãos, mas infelizmente o seu reino é pouco explorado nas HQs.

Ao longo das HQs e da série The Sandman, podemos ver a personagem “auxiliando” várias pessoas em sua passagem para a morte. E é comum vermos ela tranquilizando os mortos antes dessa passagem. Oficialmente, ela é sempre simpática! Às vezes, ela também auxilia pessoas que desejam a morte.

Vale lembrar que, assim como todos os Perpétuos, Morte não tem uma forma definida: todos representam todas as etnias. Dessa forma, podemos vê-la nos quadrinhos com a pele mais clara, mas é válida ela aparecer sob qualquer aparência de qualquer etnia. Se ela quiser aparecer de pele azul por julgar necessário, ela pode!

Desejo

Desejo (Imagem: DC Comics)
Desejo (Imagem: DC Comics)

Apareceu pela primeira vez em: Sandman #10 (Casa de Bonecas), interpretado por Mason Alexander Park, artista não-binário na série da Netflix.

Desejo é o gêmeo de Desespero. Enquanto a sua irmã gêmea é uma das garotas entre os Perpétuos, Desejo é justamente aquele que possui todos os gêneros em si. Afinal de contas, é a representação do desejo no universo – em suas várias formas, seja cobiça, o desejo sexual e o desejo material. Se falamos inclusive do desejo sexual, faz sentido representar todos os gêneros, certo? E se falamos de uma maneira geral, talvez seja válido dizer que o Perpétuo simbolize a coisa que as pessoas mais anseiam em suas vidas.

E é um ser egoísta e persuasivo/a, atraindo problemas com seus irmãos, em particular Sonho, que vê como um grande rival. Houve uma época em que ambos os Perpétuos nutriam uma boa amizade, mas algo abalou isso. Agora, quase sempre faz planos e maquinações secretamente ou então se alia à sua irmã gêmea.

Desespero

Desespero (Imagem: DC Comics)
Desespero (Imagem: DC Comics)

Apareceu pela primeira vez em: Sandman #10 (Casa de Bonecas), interpretada por Donna Preston na série da Netflix.

Desespero é a irmã gêmea de Desejo e representa a ansiedade, o medo e angústia. Comumente, a vemos como uma mulher obesa, de pele cinzenta e cabelos ralos, que anda sempre nua. A personagem aparece pouco na obra, quase sempre nas reuniões dos Perpétuos ou interagindo com Desejo. Outro detalhe é que ela costuma estar rodeada de ratos.

Seu reino é conhecido como “O Reino Cinza” e toma o aspecto de uma vila cheia de névoa e neblina, com muitos espelhos flutuantes. Os seres que lá se aventuram podem olhar pelos espelhos e só verão Desespero olhando de volta.

Delírio

Delírio (Imagem: DC Comics)
Delírio (Imagem: DC Comics)

Apareceu pela primeira vez em: Sandman #21 (Estação das Brumas)

Bom, agora falemos de quem ainda não apareceu na série! A mais jovem dos Perpétuos, Delírio também é querida por muitos fãs dos quadrinhos. Ela é vista como uma menina jovem, que parece ser apenas uma adolescente, comumente vista com seus cabelos loiros e vermelhos, sempre mudando. Afinal, ela ama cores e parece desejar tudo o mais colorido possível. Além disso, ela tem heterocromia.

É uma personagem lindíssima, ao mesmo tempo caótica. Válido para o seu nome, não é? Todas as cores mudam, tudo nela muda constantemente também e é esse caos e pronto! Seu reino é tão caótico quanto sua mente, mas Sonho já conseguiu navegar por ele uma vez. Comumente, os irmãos a protegem e fazem de tudo para que ela não se meta em encrencas.

Destino

Destino (Imagem: DC Comics)
Destino (Imagem: DC Comics)

Apareceu pela primeira vez em: Weird Mystery Tales #1Sandman #7 (Prelúdios e Noturnos)

O mais velho dos Perpétuos, Destino está sempre andando com um livro, onde engloba o destino de todos os seres que existem, já existiram ou vão existir – inclusive de seus próprios irmãos e dele próprio. Seu reino é um Jardim, e ele é sempre visto trajando um manto com capuz.

Uma curiosidade: ele é o único dos Perpétuos que não foi criado por Neil Gaiman. Ele foi criado por Marv Wolfman e Bernie Wrightson, e demorou para ter um novo significado nas páginas de Sandman.

Destruição

Destruição (Imagem: DC Comics)
Destruição (Imagem: DC Comics)

Apareceu pela primeira vez em: Sandman Special (Fábulas e Reflexões) (e talvez aqui tenha um enorme spoiler para quem não leu os quadrinhos e está assistindo apenas a série da Netflix)

O irmão do meio dos Perpétuos, Destruição possui vários outros nomes, como Olethros e “O Pródigo“. Ele comumente se mostra com seus cabelos ruivos e longos, músculos e um rosto rústico. Contudo, o Perpétuo abandonou seu reino (e seus deveres como Perpétuo), em busca de uma vida mais simples. Agora, ele está tendo pouco contato com os seus irmãos e está vivendo uma vida artística, andando junto com um cachorro chamado Barnabas. Avisei do spoiler, pois a série está falando em O Pródigo e nunca especifica quem é!

Come to the Dark Side. We have coffee with cookies! ☕

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here