As autoras de mangás mais famosas mundialmente

Ei! Você já conhece as mulheres autoras de mangás mais famosas mundialmente? Venha conferir quem são e quais são suas obras!

Sakura Card Captors

As autoras de mangás mais famosas mundialmente

Mês de março, comumente lembrado por uma data importante: o dia internacional da mulher, no dia 8. Para comemorarmos esse mês, portanto nós trouxemos mulheres importantes no mundo da literatura: as autoras de mangás mais famosas mundialmente. Acreditamos que precisamos dar maior visibilidade para as mulheres no mundo da escrita, então aqui estamos nós!

Uma curiosidade, antes de começarmos a falar os nomes das autoras: muitas delas preferem utilizar pseudônimo masculino, ou então tentar ser o mais anônima possível. Não temos ter a plena certeza do porquê, mas podemos imaginar que seja para fugir um pouco do machismo. Infelizmente, muitas autoras do mundo inteiro só conseguem vender melhor suas obras dessa forma.


Certamente, esse é um dos motivos de desejarmos dar uma melhor visibilidade para as autoras de mangás mais famosas aqui no Brasil! Não deixe de comentar posteriormente quais dessas são as suas favoritas! Além disso, pode falar também outras autoras que vocês admiram!

Hiromu Arakawa

Hiromu Arakawa - autoras de mangás mais famosas
Imagem/Divulgação

Em primeiro lugar, a autora Hiromu Arakawa, nascida em Hokkaido e cujo mangá de renome é Fullmetal Alchemist (2001–2010), traduzido como Alquimista de Aço. A obra é um sucesso nacional e internacional, posteriormente adaptado em duas séries de anime e uma live-action.

Seu nome de nascimento é Hiromi (弘美). Na língua japonesa, parte de seu nome é escrito de forma idêntica ao nome masculino Hiromu. Portanto, ela escolheu esse nome como seu pseudônimo.

Além de Fullmetal Alchemist, as obras de Hiromu Arakawa são:

  • Stray Dog (1999)
  • Shanghai Yōmakikai (“Demônios Fantasmas de Xangai”) (2000)
  • Raiden 18 (2005)
  • Sōten no Kōmori (“Um Morcego no Céu Azul”) (2006)
  • Hero Tales (2006–2010)
  • Hyakushō Kizoku (“Nobre Camponês”) (2008)
  • Silver Spoon (2011-2019)
  • Arslan Senki (ilustradora) (2015)

Ai Yazawa

Ai Yazawa
Imagem/Divulgação

Nascida em Hyogo, no Japão, Ai Yazawa é uma autora e desenhista de mangá voltados para o público feminino. Ela escreveu muitas obras populares no Japão e atingiu popularidade mundial pelo mangá Paradise Kiss e pelo mangá Nana. Inclusive, Nana recebeu adaptações cinematográficas e em série de anime, mas infelizmente o mangá está em hiato. Triste, pois é uma obra maravilhosa! A autora planeja finalizar o mangá, mas antes está cuidando de problemas de saúde!

As obras de Ai Yazawa:

  • 15-nenme (1986)
  • Love Letter (1987)
  • Kaze ni Nare! (1988)
  • Escape (1988)
  • Ballad Made Soba ni Ite (1989, 2 volumes)
  • Marine Blue no Kaze ni Dakarete (1990-1991, 4 volumes)
  • Tenshi Nanka Janai (1992-1995, 8 volumes)
  • Usubeni no Arashi (1992)
  • Gokinjo Monogatari (1995-1998, 7 volumes)
  • Kagen no Tsuki (1998-1999, 3 volumes)
  • Paradise Kiss (2000-2003, 5 volumes)
  • Nana (2000, em hiato, 21 volumes)

Natsuki Takaya

Foto/Divulgação

Agora, falemos também de Natsuki Takaya, uma autora de mangás bastante popular no Japão! No Brasil, ela fez fama graças à obra Fruits Basket. Inclusive, uma curiosidade interessante é que Natsuki Takaya é o pseudônimo de Naka Hatake. Ela nasceu em Shizuoka, Japão, mas cresceu em Tóquio e sempre com o sonho de ser mangaká! Entretanto, apesar de sabermos sua origem e desse seu sonho, ela prefere não falar muito de si mesma.

As obras de Natsuki Takaya são:

  • Phantom Dream
  • Tsubasa: Those with Wings
  • Fruits Basket
  • Songs to Make You Smile
  • Twinkle Stars
  • Liselotte and Witch’s Forest
  • Fruits Basket Another
  • Fruits Basket: The Three Musketeers Arc

Akimi Yoshida

A ilustre autora do suspense policial Banana Fish! Akimi Yoshida formou-se pela Universidade de Arte de Musashino. Posteriormente, em 1977, ela fez sua estreia profissional na revista Comic Bessatsu Shōjo da Shogakukan com o conto Chotto Fushigi na Geshukunin. Além disso, ela recebeu três vezes o Prêmio de Mangá Shogakukan: na categoria shoujo em 1983, com a obra Kisshō Tennyo, em 2001 por Yasha, e por Umimachi Diary em 2015. Certamente, uma autora incrível!

As obras de Akimi Yoshida:

  • Chotto Fushigi na Geshukunin (1977)
  • California Story (1978–1981)
  • Kawa yori mo Nagaku Yuruyaka ni (1983–1985)
  • Kisshō Tennyo (1983–1984)
  • Sakura no Sono (1985–1986)
  • Banana Fish (1985–1994)
  • Lovers’ Kiss (1995–1996)
  • Yasha (1996–2002)
  • Eve no Nemuri (2003–2005)
  • Umimachi Diary (2006–2018)
  • Utagawa Hyakkei (2019–presente)

Quarteto: Nanase Ohkawa, Mokona, Tsubaki Nekoi e Satsuki Igarashi

Nanase, Mokona, Tsubaki e Satsuki - autoras de mangás mais famosas
Imagem/Divulgação

Sim, é um quarteto que escreve a série em mangá Sakura CardCaptors, que é certamente uma das mais importantes obras shoujo da atualidade! Afinal, quem não gostaria de estar naquela magia toda, buscando pelas cartas?

O quarteto se chama CLAMP, formado na década de 1980 e liderado pela Nanase Ohkawa. CLAMP começou com um grupo maior e com mangás independentes, e o primeiro mangá original foi publicado em 1987. Entretanto, após as publicações originais e as publicações profissionais, a maioria das pessoas saíram. Quem permaneceu foi Nanase, Tsubaki, Mokona e Satsuki – e certamente ficaram com toda a fama! Além disso, elas são bastante famosas pela série em mangá Sakura CardCaptors, mas há muitos outros mangás maravilhosos escritos por elas!

As obras do grupo CLAMP:

  • Tenshi no Bodigādo (1989)
  • RG Veda (1989-1996)
  • O Homem de Várias FAces (1990-1991)
  • Tokyo Babylon (1990-1993)
  • Miracle YOU (1990)
  • Shiawase ni Naritai (1990)
  • Tenkū Senki Shurato Orijinaru Memorī: Durīmā (1990)
  • Koi wa Tenka no Mawarimono (1990)
  • CLAMP Gakuen Tanteidan (1992-1993)
  • Shirahime-Shō (1992)
  • X (1992-2003)
  • Shunkaden – A Nova Lenda de Chun Hyang (1992-1994)
  • Guerreiras Mágicas de Rayearth (1993-1995)
  • Miyuki-chan no País das Maravilhas (1993-1995)
  • A Pessoa Amada (1993-1995)
  • Hidari Te (1994)
  • Suito no Yonkyōdai Sōryūden Gaiden (1994)
  • Yumegari (1996)
  • Sakura Cardcaptor (1996-2000)
  • Wish (1996-1998)
  • Clover (1997-1999)
  • Angelic Layer (1999-2000)
  • Suki; Dakara Suki (1999-2000)
  • Gohou Drug (2000-2003)
  • Chobits (2001-2002)
  • xxxHOLiC (2003-2013)
  • Clamp no Kiseki (2004)
  • Gate 7 (2011-2013)
  • Tsubasa: Reservoir Chronicle (2003-2009)
  • Kobato (2005-2011)

Rumiko Takahashi

Rumiko Takahashi -  autoras de mangás mais famosas
Imagem/Divulgação

Agora, a grande ícone Rumiko Takahashi. Ela é uma das artistas de mangá mais ricas do Japão, muitas vezes citada como a primeira mulher japonesa a ficar rica com mangás. Afinal, o seu trabalho é sucesso no mundo todo, com tradução em diversos idiomas. Além disso, ela ganhou duas vezes o Prêmio Shogakukan de Mangá: em 1980 com Urusei Yatsura e em 2002 com InuYasha.

Outro detalhe legal: muitos também citam InuYasha como revolucionário, pois mostrou um herói forte ao lado de garotas fortes e inteligentes também. Anteriormente, era mais difícil encontrar personagens femininas fortes no mundo dos animes e mangás. Claro, não é impossível, mas mais difícil!

Vamos então às obras de Rumiko Takahashi:

  • Urusei Yatsura (1978-1987)
  • Maison Ikkoku (1980-1987)
  • Mermaid Saga (1984-1994)
  • Ranma ½ (1987-1986)
  • One-Pound Gospel (1987-2007)
  • Rumic World (1994-2005)
  • Rumic Theater (1987-presente)
  • InuYasha (1996-2008)
  • Rin-ne (2009-2017)
  • MAO (2019-presente)

Naoko Takeuchi

Naoko Takeuchi
Imagem/Divulgação

Agora, precisamos falar de Naoko Takeuchi, pois é a autora de Sailor Moon, que também é uma das mais importantes obras shoujo da atualidade! Assim como muitas autoras da lista, Naoko também começou o sonho de ser mangaká ainda novinha! Tanto que, aos 18 anos de idade, ela escreveu uma história curta chamada Yume ja Nai no ne, que recebeu o 2º Prêmio de Mangá Nakayoshi para Novatos.

Rapidamente, Naoko começou a trabalhar na Kodansha e, posteriormente, a sua história Love Call ganhou o Prêmio Novo Mangaká Nakayoshi e foi publicada na revista Nakayoshi Deluxe! Então, ela nunca parou de escrever, além de logo tornar-se uma autora bastante querida pelo público! Além disso, falando-se um pouco da vida pessoal da autora, ela é casada com Yoshihiro Togashi, o autor de YuYu Hakusho e Hunter x Hunter!

As obras da autora Naoko Takeuchi:

  • Chocolate Christmas (1987–1988)
  • Maria (1989–1990)
  • The Cherry Project (1990–199)
  • Codename: Sailor V (1991–1997)
  • Pretty Soldier Sailor Moon (1992–1997)
  • Miss Rain (1993)
  • Prism Time (1986–1997)
  • PQ Angels (1997)
  • Princess Naoko Takeuchi’s Return-to-Society Punch!! (1998–2004)
  • Toki☆Meka! (2001)
  • Love Witch (2002)

Shiori Teshirogi

Shiori Teshirogi - autoras de mangás mais famosas
Imagem/Divulgação

Outra mangaká de sucesso é a Shiori Teshirogi, responsável por escrever Lost Canvas, série derivada de Cavaleiros do Zodíaco! Inicialmente, ela iniciou sua carreira com os mangás shoujo e josei, mas logo ela começou a trabalhar com outros estilos também! Bom, certamente dá para percebermos tal fato com o seu maior sucesso, que foi Lost Canvas!

E da mesma forma que algumas autoras da lista, não temos como saber muito sobre a vida pessoal da Shiori! Portanto, a única curiosidade conhecida é que ela sempre foi fã proclamada de Cavaleiros do Zodíaco. A biografia de algumas autoras simplesmente não chegou ainda no Ocidente (entretanto, se você souber de algo interessante sobre as autoras, pode dizer nos comentários).

As obras de Shiori Teshirogi:

  • Dear my Doll (2007)
  • Delivery
  • Kanojo ga Tonda Hi
  • Kieli
  • The Lost Canvas (2006-2011)
  • The Lost Canvas Gaiden (2011-2012)
  • Batman and Justice League
  • High Speed! Free!

Koyoharu Gotouge

Imagem/Divulgação

Lembra de quando dissemos anteriormente que muitas autoras preferem ser anônimas? Esse é o caso de Koyoharu Gotouge! Até poucos meses atrás, nem seu gênero, mas um um funcionário da Weekly Shōnen Jump revelou que Gotouge é uma mulher. E a autora é a criadora de Demon Slayer, cujo anime é um dos grandes sucessos atuais. Certamente, ela é uma autora incrível com uma franquia muito boa!

Ela nasceu na província de Fukuoka, Japão, em 5 de maio de 1989. Ao fazer anúncios sobre sua série em mangá, ela usa um avatar específico: um crocodilo que usa óculos. As obras da autora:

  • Kagarigari (2013)
  • Monju Shirō Kyōdai (2014)
  • Rokkotsu-san (2014)
  • Haeniwa no Zigzag (2015)
  • Demon Slayer: Kimetsu no Yaiba (2016–2020)
  • Koyoharu Gotouge’s Short Stories (2019)

Por sinal, nós do Meta Galáxia publicamos muito conteúdo sobre a franquia Demon Slayer, incluindo: Os Onis de Demon Slayer e Todos os Personagens Principais de Demon Slayer! Além disso, aproveite para conhecer as Personagens Femininas de Demon Slayer!

Em conclusão, essas são as autoras de mangás mais famosas do mundo! Contem para nós: quais são as suas autoras favoritas?

Goiana. Arqueóloga, focada em Educação Patrimonial. Redatora. Escritora. Apaixonada pela Cultura Brasileira e pela Cultura Geek. Cosplayer nas horas vagas gótica e gamer. Aqui no Meta Galáxia, colaboro com matérias sobre o universo geek: notícias, entrevistas com cosplayers, listas de filmes e animes, análises de animes e jogos, curiosidades e muito mais!

2 COMENTÁRIOS

  1. Boa lista! Mas precisa corrigir algumas coisas… Especialmente o nome da Naoko Takeuchi, que foi substituído pelo nome (traduzido) da protagonista de Sailor Moon: Serena Tsukino (originalmente é Usagi Tsukino).
    Mas curti mesmo assim 🙂 talvez incluir uma lista de mangakás que não são tão famosas, mas merecem atenção?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here