10 obras shoujo escritas por mulheres

Aclamadas obras shoujo como Sailor Moon, Fruits Basket e Ouran High School Host Club são escritas por talentosas criadoras e contadoras de histórias.

Magic Knight Rayearth

10 obras shoujo escritas por mulheres

A demografia shoujo continua sendo populares entre os animes e mangás, pois podem explorar o drama da vida, romances ternos e fantasias de garotas mágicas intensificadas. Muitas dessas obras shoujo célebres são escritas por talentosas mulheres!

As séries shoujo normalmente têm personagens femininas como protagonistas, mas não é uma regra rígida, e a demografia ainda pode refletir a diversidade criativa. Alguns fãs de anime shoujo não sabem que as mulheres escreveram suas séries favoritas, como Sailor Moon, Ouran High School Host Club e Fushigi Yuji.

Quer compreender melhor sobre as demografias de animes? Se sim, então confira em em nosso portal:

Magic Knight Rayearth

Clamp é um coletivo prolífico de mangakás femininas, responsável por algumas das séries shoujo mais influentes da geração. Entre as mais famosas obras shoujo escritas por mulheres, sempre terá ao menos uma obra delas! Magic Knight Rayearth, uma obra dos anos 1990 criada pelo Clamp, abraça carinhosamente os elementos básicos do shoujo e das garotas mágicas, mas também apresenta uma forte influência narrativa de mecha e isekai.

Três garotas do oitavo ano escolar são transportadas para um mundo fantástico, onde recebem a importante missão de resgatar uma princesa. Nesse novo mundo, as três lutam usando poderosos mechas e reforços mágicos, ao mesmo tempo em que gradualmente desafiam os papéis típicos do shoujo.

Cardcaptor Sakura

A Clamp deu vida a Cardcaptor Sakura enquanto estava em meio ao encerramento de seu trabalho anterior, Magic Knight Rayearth. Nanase Ohkawa, membro da Clamp, imaginou Cardcaptor Sakura como uma série de garotas mágicas mais tradicional. Sakura Kinomoto é uma protagonista corajosa e típica das garotas mágicas, ansiosa, mas ingênua diante das vastas possibilidades do mundo.

Sakura embarca em uma jornada fantástica após acidentalmente liberar uma coleção de cartas mágicas para o mundo, o que acarreta em consequências perigosas caso elas não sejam todas recuperadas. A estrutura criada por Ohkawa confere a Cardcaptor Sakura uma fórmula mais próxima do gênero shonen, com ênfase na ação serializada através da perspectiva de uma poderosa protagonista feminina.

Fushigi Yuji

Fushigi Yugi é uma série shoujo dos anos 1990 que não busca reinventar a roda, mas ainda se destaca com sua premissa: a leitura de um livro mágico transporta duas adolescentes para uma versão mágica e alternativa da antiga China. Nesse mundo de fantasia de Yuu Watase, Miaka e Yui precisam encontrar sete Guerreiros Celestiais para invocar o Deus Suzaku, que tem o poder de conceder três desejos.

Fushigi Yugi coloca ênfase no empoderamento feminino. No entanto, o ciúme e os caminhos diferentes que Miaka e Yui seguem resultam em reviravoltas gratificantes e surpreendentes ao longo da história.

The Rose Of Versailles

Algumas das séries mais cativantes da demografia shoujo são aquelas que desafiam as instituições sociais ao colocar personagens femininas em papéis tradicionalmente considerados “masculinos”. A obra A Rosa de Versalhes, de Riyoko Ikeda, explora de maneira intrigante a noção de gênero e legado, apresentando uma história bem escrita e envolvente.

Nessa história, esses conceitos são minuciosamente examinados quando um membro da família real é criado como homem, adotando o nome de Oscar François de Jarjayes, com o propósito de se tornar sua sucessora. Ambientada durante os acontecimentos da Revolução Francesa, A Rosa de Versalhes habilmente se baseia na história real para dar forma a uma narrativa complexa, onde um amor floresce nesse reino francês.

Ouran High School Host Club

Bisco Hatori é o pseudônimo da mangaká responsável por Ouran High School Host Club. Embora Hatori tenha mantido alguns detalhes de sua vida em segredo, revelou-se que ela é uma mulher. Em Ouran, Haruhi Fujioka é uma personagem feminina, mas o gênero não tem importância para ela, a ponto de se sentir confortável se apresentando como um menino no Ouran High School Host Club.

Haruhi se envolve nessa situação incomum depois de quebrar um vaso valioso e acabar com uma dívida. No entanto, essa farsa acaba ajudando Haruhi a se libertar de sua própria casca. Ouran High School Host Club se destaca ao explorar de maneira humilde relacionamentos honestos e o significado de ser humano e ter amigos, independentemente do gênero.

Yona Of The Dawn

Existe uma suposição equivocada de que as séries shoujo devem retratar personagens femininas como garotas mágicas, ao invés de apresentá-las como guerreiras forjadas em batalha. Yona of the Dawn, de Mizuho Kusanagi, desafia efetivamente esse estereótipo com uma liderança shoujo heroica que poderia superar muitos protagonistas masculinos shounen.

Após ser traída por Soon-woo e exilada de seu próprio lar, a princesa Yona é consumida por um turbilhão de emoções. Nesse processo, ela se vê questionando tudo o que amava anteriormente. Determinada a recuperar seu reino e provar que é digna de seu direito de primogenitura, Yona corajosamente enfrenta demônios e busca os quatro dragões poderosos que são essenciais para sua missão.

Revolutionary Girl Utena

As séries shoujo podem abraçar estereótipos de gênero ou utilizar as alegorias de gênero para desafiar as expectativas de maneiras inovadoras. Revolutionary Girl Utena adota uma abordagem atípica para uma série shoujo de garotas mágicas e se destaca ainda mais ao descobrirmos que foi escrita por Chiho Saito, uma mulher.

Utena se entrega a uma vida de duelos na esperança de conquistar a mão da Noiva Rosa da Academia Ohtori. Em vez de reforçar a ideia de que um príncipe deve resgatar uma donzela em perigo, Revolutionary Girl Utena argumenta que as mulheres podem ser igualmente corajosas e que os homens não são necessários nessa narrativa.

Orange

Escrito por Ichigo Takano, Orange é uma narrativa comovente que explora o conceito de viver a vida ao máximo, abraçando o momento presente e expressando emoções profundas em vez de suprimi-las. A história gira em torno de Naho Takamiya, uma estudante do ensino médio que recebe cartas sobrenaturais de seu futuro eu, levando-a a uma jornada de autodescoberta e crescimento pessoal.

Na série de mangá “Orange” de Ichigo Takano, a protagonista, Naho, recebe cartas de seu futuro eu que servem como um guia para evitar que ela repita os erros do passado. Um dos erros cruciais envolve o novo aluno transferido, Kakeru Naruse. Através do uso de elementos sutis de fantasia, Takano magistralmente tece uma narrativa comovente de amadurecimento que mergulha nas profundezas da natureza humana. Atualmente, a série em anime está disponível na Crunchyroll.

Fruits Basket

Fruits Basket de Natsuki Takaya é um tocante romance de harém reverso que incorpora aspectos sobrenaturais sutis para realçar os sentimentos ternos do livro. A trama gira em torno de Tohru Honda, um adolescente órfão que acaba morando com a heterodoxa família Sohma. Não demora muito para Tohru descobrir a maldição peculiar da família, que faz com que todos os membros do sexo masculino se transformem em animais do zodíaco chinês sempre que experimentam níveis elevados de estresse.

As inúmeras transformações em formas de animais muitas vezes levam a situações embaraçosas e embaraçosas, mas são ofuscadas pela profunda história de amor que se desenvolve entre Tohru e Kyo Sohma. Tohru não apenas descobre o poder de consertar as cicatrizes emocionais de Kyo, mas também aprende a importância de ser uma presença solidária para os outros.

Sailor Moon

A indústria de anime foi muito influenciada por inúmeras séries shoujo, mas nada mais do que Sailor Moon de Naoko Takeuchi, que se tornou a representação quintessencial do subgênero de garotas mágicas. A fundação estrutural estabelecida por Takeuchi em Sailor Moon continua a servir como uma influência significativa para muitos shows contemporâneos de garotas mágicas. Com o tempo, a franquia continuou a evoluir de maneiras inesperadas, principalmente à medida que Usagi Tsukino desenvolve ainda mais suas habilidades celestiais.

Sailor Moon tem uma maneira de capturar nossa atenção, seja através das aventuras fascinantes de lutar contra monstros semanais, das lutas relacionáveis ​​da adolescência ou das batalhas épicas travadas para proteger o universo. Esta amada série consegue desconstruir as narrativas da vida de uma maneira profundamente satisfatória, mantendo a essência encantadora de uma história de garota mágica.

Se você gosta da obra de Naoko Takeuchi, então poderá gostar de ler em nosso portal:

Come to the Dark Side. We have coffee with cookies! ☕

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here